pó de colágeno
Ultima atualização: 15 de outubro de 2020

Como escolhemos

17Produtos analisados

29Horas investidas

42Estudos avaliados

96Comentários coletados

Podemos não perceber o quão importante o colágeno é para a vida. Muitas vezes, achamos que o colágeno é uma “cura” para o envelhecimento, mas não percebemos quantas funções ele cumpre em outras partes do organismo.

Por ser a proteína mais abundante no corpo humano, o colágeno oferece estrutura à pele, ossos, tendões, ligamentos e articulações. Além disso, tem uma função importante na manutenção da saúde das artérias e veias, e, inclusive, pode proteger o cérebro de doenças degenerativas. Você quer saber mais sobre os benefícios do colágeno? Continue conosco!

O mais importante

  • O colágeno faz parte do tecido conjuntivo do corpo humano. Isso quer dizer que funciona como uma “cola” de diversas estruturas, tendo um papel fundamental na integridade da pele, ossos, articulações, sistema cardiovascular e outras partes do corpo.
  • A diminuição da produção de colágeno começa de forma natural, por volta dos 25 anos, mas sua carência é mais evidente na quarta década da vida com o surgimento de rugas ou dores articulares.
  • Os produtos que fornecem colágeno podem promover a saúde articular e melhorar a aparência da pele. No entanto, a melhor maneira de cuidar desta proteína é seguir um estilo de vida saudável.

Os melhores suplementos de colágeno do mercado: Nossas recomendações

É hora de se aprofundar um pouco mais no mercado online com os principais suplementos de colágeno, em diferentes formatos. Aqui você vai encontrar uma lista com opções com um ótimo custo-benefício. Veja abaixo:

O melhor suplemento de colágeno em cápsulas

O colágeno hidrolisado em cápsulas da New Millen é zero carboidrato, contém cromo e vitaminas C e E. Contribui para a formação de fibras que sustentam a pele, formação de músculos, consistência e elasticidade. É uma forma muito prática para repor o colágeno. Em uma embalagem com 120 cápsulas, a dose recomendada  é de 2 cápsulas 2 vezes ao dia.

O melhor suplemento de colágeno em pó

Este colágeno hidrolisado em pó da Maxinutri é composto por vitaminas e minerais e tem um sabor agradável de frutas vermelhas. Para preparar basta misturar 10 g (2 colheres dosadoras) em 250 ml de água ou outra bebida da sua preferência, mexa até ficar homogêneo e tome imediatamente. Pode ser consumido também junto com frutas ou iogurte.

O melhor suplemento de peptídeos de colágeno

Os peptídeos de colágeno da Essencial Nutrition tem uma fórmula desenvolvida para promover máxima absorção e eficácia. Com vitaminas, ácido hialurônico e outros ingredientes benéficos, tem um sabor neutro e é muito fácil de consumir. Basta misturar 1 dose em 1 copo de água e misturar bem. Deve ser consumido antes de dormir ou pela manhã, em jejum.

Perguntas frequentes: Conheça os benefícios do colágeno

O colágeno é muito falado pelas celebridades, influencers e também por especialistas da saúde por seus benefícios incríveis. Você quer conhecer mais a fundo? Então nos acompanhe neste incrível mundo do colágeno.

fazendo exercício

Suplementar com colágeno, combinando com um rotina de exercícios, pode aumentar a massa muscular. (Fonte: Drobot: 45025478 / 123rf.com)

Principais benefícios dos diferentes tipos de colágeno

Não existe um único colágeno que cumpra com todas as funções atribuídas a esta proteína. Existem 28 tipos de colágeno com funções únicas. Veja abaixo os principais tipos (1):

  • Colágeno tipo I: este é o mais abundante no corpo humano. Está presente na cicatrização da pele, nos tendões, nos vasos sanguíneos e também é o principal componente dos ossos.
  • Colágeno tipo II: é o componente principal da cartilagem.
  • Colágeno tipo III: faz parte do “tecido reticular”, um tecido que dá suporte a diferentes órgãos como a pele e órgãos internos.
  • Colágeno tipo V: faz parte do cabelo e da placenta (órgão que ajuda na nutrição e respiração do futuro bebê durante a gravidez).

Benefícios do colágeno para a pele

A pele é composta por 80% de colágeno (especialmente do tipo I e III) (1). Esta proteína faz parte de fibras microscópicas que, assim como um tecido, mantém a estrutura, flexibilidade e integridade da pele.

O colágeno melhora a aparência da pele em geral.

Este efeito ocorre graças a sua função intrínseca e também a sua combinação com outros elementos, como a elastina e o ácido hialurônico. Este último é responsável por capturar as moléculas de água e manter a pele macia e hidratada (2, 3).

Por volta dos 25 anos, a produção de colágeno começa a reduzir, sendo mais acentuada na quarta década da vida, onde começa uma pioria na aparência da pele. Ele pode ser acelerado pela exposição contínua ao sol, o uso de cigarro e má alimentação (4, 5, 6, 7).

Muitos estudos relacionaram a utilização de peptídeos de colágeno com benefícios na pele (8, 9, 10, 11). Estes peptídeos são criados em laboratório por um método chamado “hidrólise” que “rompe” a proteína de colágeno e facilita a absorção pelo organismo.

Com estes peptídeos de colágeno, a pele pode aproveitar dos seguintes benefícios:

  • Diminuição da aparência das rugas e atraso no aparecimento;
  • Diminuição da aparência da marcas e imperfeições;
  • Prevenção dos danos solares e regeneração da pele;
  • Aumento da espessura e firmeza da pele;
  • Hidratação da pele.
Dra. Diane S. BersonDermatologista

“Por volta dos 20 anos começamos a perder o colágeno natural da pele. Isso pode ser acelerado com a exposição solar, uso de cigarro e poluição. Tudo isso leva a flacidez, rugas e secura na pele.”

Benefícios do colágeno para o cabelo

O colágeno é rico em aminoácidos como a glicina, a hidroxiprolina e a prolina. Esta última é essencial para a produção de queratina, ingrediente fundamental para a estrutura do cabelo (12, 13).

Além disso, o colágeno é uma fonte importante de antioxidantes, podendo proteger o cabelo do estresse oxidativo (14, 15) que predispõe o aparecimento de cabelos brancos (16).

Ainda assim, ainda não existem estudos suficientes para garantir a relação entre o consumo de peptídeos de colágeno com uma melhora significativa na aparência do cabelo.

Benefícios do colágeno para as articulações

O colágeno, especialmente o tipo II, forma quase 50% das proteínas da cartilagem que recobre e protege as articulações.

Devido ao envelhecimento, a obesidade, infecções e traumas que afetam as articulações, esta cartilagem pode ser comprometida em processos como a artrite (inflamação das articulações) e a artrose (doença degenerativa das articulações) (17, 18). Estes processos geram dor, inflamação e dificuldade de movimento.

Os peptídeos de colágeno podem oferecer benefícios importantes às articulações, com uma diminuição importante da dor articular tanto na população geral como em atletas (19, 20). Outros estudos também sugerem que podem aliviar a dor e inflamação na artrose (21).

ossos fortes

A diminuição do colágeno pode provocar dores articulares e dificuldade de movimento. (Fonte: Wavebreak media ltd: 79269617 / 123rf.com)

Benefícios do colágeno para os ossos

Os ossos são formados por até um terço de colágeno (22), fornecendo flexibilidade e firmeza. Esta estrutura se deteriora por fatores como a idade, doenças e estilos de vida pouco saudáveis (23).

Alguns estudos sugerem que a suplementação com peptídeos de colágeno pode aumentar densidade dos ossos, com a consequente prevenção da osteoporose e inclusive seu tratamento (24, 25, 26).

Benefícios do colágeno para os músculos

O colágeno faz parte de até 10% da estrutura dos músculos (27), que podem ser deterioradas com o sedentarismo, a idade, o sobrepeso e a obesidade.

Alguns estudos encontraram uma relação entre o consumo de peptídeos de colágeno, combinados com um rotina de exercícios, com o aumento da massa muscular (28, 29).

Este efeito pode ocorrer graças a possível relação entre o consumo de colágeno e a produção de creatinina (aminoácido fundamental para a formação e manutenção da massa muscular).

Dra. Diane S. BersonDermatologista

“Devemos cuidar do colágeno que já temos, ao invés de nos descuidar e tentar compensar esta falta com suplementos.”

Benefícios do colágeno para o coração

O colágeno faz parte das artérias e veias. Em conjunto com a elastina e outros componentes, ajuda os vasos sanguíneos a manter sua estrutura e as artérias a exercer força suficiente para transportar o sangue (30).

Alguns estudos sugerem uma relação entre o consumo de peptídeos de colágeno e a redução do risco de desenvolver arteriosclerose (formação de placas de colesterol das artérias) (31, 32). Além disso, o colágeno está envolvido na prevenção da hipertensão (33).

Benefícios do colágeno para o cérebro

O colágeno faz parte do sistema nervoso das meninges (membranas que cobrem o cérebro), os vasos sanguíneos do cérebro e os nervos que chegam a todo o corpo (34).

Graças a isso, o colágeno é capaz de proteger o cérebro, participar na regeneração dos nervos e ajudá-los a conduzir impulsos nervosos por todo o organismo. Por isso, existem estudos para avaliar a eficácia do colágeno na prevenção de doenças como Alzheimer e Parkinson (35).

Infelizmente ainda são necessários mais estudos nesta área para avaliar se os suplementos de colágeno podem ter efeitos neuro protetores.

Benefícios do colágeno para o sistema gastrointestinal

O colágeno faz parte da estrutura dos órgãos gastrointestinais. É um dos componentes que fornece espessura e elasticidade à parede do tubo digestivo e ajuda a repará-lo quando é necessário (36).

Alguns estudos sugerem que esta função pode ter um efeito fundamental para prevenir a passagem de toxinas do sistema digestivo para a corrente sanguínea, o que poderia deixar o corpo propenso a diversas doenças, como o cólon irritável e doenças autoimunes (37).

Porém, ainda são necessários mais estudos sobre os efeitos dos peptídeos de colágeno para o fortalecimento da barreira gastrointestinal.

menina com pele e cabelo em boas condições

O colágeno fornece aminoácidos que podem formar parte da estrutura do cabelo. (Fonte: Gabor: 55356594 / 123rf.com)

Qual dose de colágeno utilizar para aproveitar os seus benefícios?

O colágeno ainda não tem uma dose recomendada estabelecida, mas é recomendado utilizar até 10 gramas por dia desta proteína para aproveitar dos seus principais benefícios. Estas são os dados que os principais estudos mostraram:

Benefícios estudados Dose
Para a pele (8, 9, 10, 11) 2,5 a 10 gramas
Para o sistema musculoesquelético (17, 18) 1,2 a 10 gramas
Para o sistema cardiovascular (31, 32) 2,5 a 16 gramas

O colágeno é mais benéfico nos alimentos ou nos suplementos?

O corpo humano é capaz de produzir colágeno por conta própria com os nutrientes que consumimos, como vitamina C, zinco, manganês, cobre e aminoácidos.

Estes nutrientes podem ser encontrados em alimentos como frutas, vegetais, cereais, oleaginosas, lácteos, carne e peixes. Estes grupos alimentares estão na dieta mediterrânea.

Os suplementos de colágeno podem oferecer benefícios para a saúde, como os mencionados anteriormente, mas são suplementos, não medicamentos (38). Por isso, podem trazer alguns efeitos colaterais pouco conhecidos que uma dieta saudável não causa.

pó de colágeno

Alguns estudos sugerem que os peptídeos de colágeno podem prevenir a arteriosclerose. (Fonte: Vyshniakova: 150982617 / 123rf.com)

Quais precauções tomar ao consumir suplementos de colágeno?

Apesar de existir poucos efeitos colaterais conhecidos dos suplementos de colágeno, algumas pessoas podem ser mais sensíveis. É o caso de pessoas com doenças do fígado e rins, mulheres grávidas ou amamentando, crianças e adolescentes (33).

Além disso, existe uma doença genética chamada “fenilcetonúria”, onde a pessoa não é capaz de processar aminoácidos e eles se acumulam no organismo. Estes aminoácidos geram toxidade, danificando o cérebro e outros órgãos (39).

Quais são os efeitos colaterais do colágeno?

O colágeno tem poucos efeitos colaterais conhecidos, mas isso não quer dizer que são inexistentes. O consumo de doses elevadas de colágeno ou por um período muito prolongado pode gerar desconforto gastrointestinal.

Por outro lado, os profissionais de saúde afirmam que o colágeno em doses próximas a 10 gramas por dia podem proporcionar o aparecimento de nefrolitíase ou pedras de cálcio nos rins.

Dra. Elizabeth BradleyDiretora do centro médico de Cleveland de Medicina Funcional

“Além do envelhecimento, uma das principais razões da carência de colágeno é uma dieta inadequada, já que o corpo não pode produzir colágeno se não receber os ingredientes necessários.”

Critérios de compra

Existe uma infinidade de suplementos de colágeno no mercado, com diferentes doses, ingredientes e formas de apresentação. Se você quer aproveitar ao máximo este produto, siga nossas dicas abaixo.

Formas de apresentação

O colágeno pode ser encontrado em três principais formas. É importante conhecer quais são suas preferências em relação ao consumo de suplementos. A tabela abaixo pode facilitar sua decisão:

Características Líquido Comprimidos – Cápsulas
Conteúdo de colágeno Até 10 g Entre 3 – 8 g (poucos chegam a 10 g) Até 20 g
Dosagem Pode exigir dosagem manual
Pode vir em embalagens pré-dosadas ou frascos
Dosagem estabelecida por cápsula ou comprimido
Os comprimidos podem ser divididos de acordo com a preferência do consumidor, as cápsulas não
Alguns devem ser medidos com dosadores
Podem vir em embalagens pré-dosadas
Consumo Vêm em sabores agradáveis Podem ser difíceis de engolir Podem ser combinados com a sua bebida favorita
Podem ter sabores nem sempre agradáveis
Ingredientes adicionais Pode conter vitaminas e outros nutrientes
Pode conter açúcares ou edulcorantes
Pode conter vitaminas e outros nutrientes
Não contém açúcares ou edulcorantes
Pode conter vitaminas e outros nutrientes
Não contém açúcares ou edulcorantes 

Combinações mais importantes

O colágeno sozinho pode ser benéfico de muitas maneiras, mas alguns ingredientes podem proporcionar ainda mais benefícios para a saúde:

  • Vitamina C: além de ser um componente principal para a produção de colágeno, a vitamina C ajuda a absorver o ferro, pode potencializar o sistema imunológico e funciona como um antioxidante (40).
  • Magnésio: este componente está envolvido na produção de fibras colágenas no organismo humano. Além disso, também é associado a diminuição da fadiga, ao suporte do sistema imunológico e manutenção dos batimentos cardíacos (41).
  • Ômega 3: estes ácidos graxos promovem a saúde cardiovascular e reduzem os triglicerídeos do sangue (42).
  • Ácido hialurônico: pode ser encontrado em cosméticos e em suplementos. Seu efeito principal é reter moléculas de água para hidratar a pele (2).
  • Elastina: a elastina é uma proteína que trabalha em conjunto com o colágeno para manter a saúde da pele e do sistema cardiovascular.
menina comendo saudavelmente

O colágeno é responsável por dar firmeza à pele, sua diminuição pode gerar flacidez. (Fonte: Macniak: 72010552 / 123rf.com)

Interações com outros medicamentos

A interação do colágeno com outros medicamentos não é conhecida. Porém, alguns ingredientes que podem acompanhá-lo sim, podem ter.

Evite consumir suplementos de colágeno junto com anticoagulantes, medicamentos para doenças oncológicas e tratamentos contínuos (para hipertensão ou diabetes), a menos que seja indicado pelo seu médico.

Colágeno para dietas especiais e sensibilidades alimentares

O colágeno é produzido com a pele, ossos e cartilagem de animais marinhos e terrestres, isso pode ser inadequado para dietas veganas, vegetarianas e até mesmo para algumas religiões e culturas.

Além disso, alguns suplementos de colágeno podem conter glúten, lactose ou traços de oleaginosas. Estas são as nossas recomendações:

  • Se você é vegano ou vegetariano, use suplementos que promovam a produção de colágeno, como aqueles com vitamina C e zinco.
  • Em algumas culturas e religiões onde a carne bovina ou suína não pode ser consumida, você pode optar pelo colágeno de origem marinha.
  • Se você é alérgico a alguns alimentos procure ler o rótulo dos suplementos (inclusive os de uso externo). Garanta que estes produtos não tenham ingredientes que você é sensível.
  • Sempre siga as recomendações do seu médico para encontrar o melhor suplemento para sua saúde e bem estar.

Resumo

A elasticidade e estrutura que o colágeno proporciona é fundamental para a vida. Além de ser um componente fundamental para a saúde da pele, tem um papel essencial no sistema cardiovascular, digestivo, musculoesquelético e nervoso.

Os suplementos de colágeno têm sido estudados por seus efeitos benéficos que podem oferecer aos órgãos e sistemas mencionados, mas uma dieta e um estilo de vida saudáveis não podem ser substituídos por nenhum suplemento alimentar.

Você se surpreendeu com tudo que o colágeno é capaz de fazer? Surpreenda também seus amigos e familiares, compartilhando este artigo. Com certeza vão te agradecer!

(Fonte da imagem destacada: Vyshniakova: 150977491 / 123rf.com)

Referências (42)

1. Ricard-Blum S. The Collagen Family. Cold Spring Harbor Perspectives in Biology. 2010;3(1).
Fonte

2. Oxlund H, Andreassen TT. The roles of hyaluronic acid, collagen and elastin in the mechanical properties of connective tissues. Journal of Anatomy. 1980.
Fonte

3. Papakonstantinou E, Roth M, Karakiulakis G. Hyaluronic acid: A key molecule in skin aging. Dermato-Endocrinology. 2012;4(3):253–8.
Fonte

4. Varani J, Dame MK, Rittie L, Fligiel SE, Kang S, Fisher GJ, et al. Decreased Collagen Production in Chronologically Aged Skin. The American Journal of Pathology. 2006;168(6):1861–8
Fonte

5. Smith JG, Davidson EA, Sams WM, Clark RD. Alterations in Human Dermal Connective Tissue with Age and Chronic Sun Damage. Journal of Investigative Dermatology. 1962;39(4):347–50.
Fonte

6. Smoking: Does it cause wrinkles? [Internet]. Mayo Clinic. Mayo Foundation for Medical Education and Research; 2017.
Fonte

7. Cao C, Xiao Z, Wu Y, Ge C. Diet and Skin Aging—From the Perspective of Food Nutrition. Nutrients. 2020;12(3):870.
Fonte

8. Choi FD, Juhasz M, Mesinkovsk N. Oral Collagen Supplementation: A Systematic Review of Dermatological Applications. Journal of Drugs in Dermatology. 2019.
Fonte

9. Laing S, Bielfeldt S, Ehrenberg C, Wilhelm K-P. A Dermonutrient Containing Special Collagen Peptides Improves Skin Structure and Function: A Randomized, Placebo-Controlled, Triple-Blind Trial Using Confocal Laser Scanning Microscopy on the Cosmetic Effects and Tolerance of a Drinkable Collagen Supplement. Journal of Medicinal Food. 2020;23(2):147–52.
Fonte

10. Sibilla S, Borumand M. Daily consumption of the collagen supplement Pure Gold Collagen® reduces visible signs of aging. Clinical Interventions in Aging. 2014;:1747.
Fonte

11. Jeong-Kee K y cols Beneficial Effect of Collagen Peptide Supplement on Anti-aging Against Photodamage. Korean Journal of Food Science and Technology. 2009.
Fonte

12. Molecular Cell Biology 4th edition. W H Freeman & Co; 2000
Fonte

13. Yang F-C, Zhang Y, Rheinstädter MC. The structure of people’s hair. PeerJ. 2014;2.
Fonte

14. Wang B, Wang Y-M, Chi C-F, Luo H-Y, Deng S-G, Ma J-Y. Isolation and Characterization of Collagen and Antioxidant Collagen Peptides from Scales of Croceine Croaker (Pseudosciaena crocea). Marine Drugs. 2013;11(11):4641–61.
Fonte

15. Trüeb RM. The impact of oxidative stress on hair. International Journal of Cosmetic Science. 2015;37:25–30.
Fonte

16. Seiberg M. Age-induced hair greying – the multiple effects of oxidative stress. International Journal of Cosmetic Science. 2013;35(6):532–8.
Fonte

17. Wainstein GE. Patogénesis de la artrosis. Revista Médica Clínica Las Condes. 2014;25(5):723–7.
Fonte

18. Osteoartritis [Internet]. Mayo Clinic. Mayo Foundation for Medical Education and Research; 2020.
Fonte

19. Bruyère O, Zegels B, Leonori L, Rabenda V, Janssen A, Bourges C, et al. Effect of collagen hydrolysate in articular pain: A 6-month randomized, double-blind, placebo controlled study. Complementary Therapies in Medicine. 2012;20(3):124–30
Fonte

20. Clark KL, Sebastianelli W, Flechsenhar KR, Aukermann DF, Meza F, Millard RL, et al. 24-Week study on the use of collagen hydrolysate as a dietary supplement in athletes with activity-related joint pain. Current Medical Research and Opinion. 2008;24(5):1485–96.
Fonte

21. Bello AE, Oesser S. Collagen hydrolysate for the treatment of osteoarthritis and other joint disorders:a review of the literature. Current Medical Research and Opinion. 2006;22(11):2221–32.
Fonte

22. Lawrence J. Building Stronger Bones [Internet]. WebMD. WebMD; 2011.
Fonte

23. What causes bone loss? : MedlinePlus Medical Encyclopedia [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine.
Fonte

24. Porfírio E, Fanaro GB. Collagen supplementation as a complementary therapy for the prevention and treatment of osteoporosis and osteoarthritis: a systematic review. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia. 2016;19(1):153–64.
Fonte

25. Guillerminet F, Beaupied H, Fabien-Soulé V, Tomé D, Benhamou C-L, Roux C, et al. Hydrolyzed collagen improves bone metabolism and biomechanical parameters in ovariectomized mice: An in vitro and in vivo study. Bone. 2010;46(3):827–34.
Fonte

26. Kim H, Kim M-G, Leem K-H. Osteogenic Activity of Collagen Peptide via ERK/MAPK Pathway Mediated Boosting of Collagen Synthesis and Its Therapeutic Efficacy in Osteoporotic Bone by Back-Scattered Electron Imaging and Microarchitecture Analysis. Molecules. 2013;18(12):15474–89.
Fonte

27. Sikorski ZE. Chemical and functional properties of food proteins. Lancaster: Technomic; 2002.
Fonte

28. Oertzen-Hagemann V, Kirmse M, Eggers B, Pfeiffer K, Marcus K, Marées MD, et al. Effects of 12 Weeks of Hypertrophy Resistance Exercise Training Combined with Collagen Peptide Supplementation on the Skeletal Muscle Proteome in Recreationally Active Men. Nutrients. 2019;11(5):1072.
Fonte

29. Zdzieblik D, Oesser S, Baumstark MW, Gollhofer A, König D. Collagen peptide supplementation in combination with resistance training improves body composition and increases muscle strength in elderly sarcopenic men: a randomised controlled trial. British Journal of Nutrition. 2015;114(8):1237–45.
Fonte

30. Tyagi. Blood flow interplays with elastin: collagen and MMP: TIMP ratios to maintain healthy vascular structure and function. Vascular Health and Risk Management. 2010;:215.
Fonte

31. Igase M, Kohara K, Okada Y, Ochi M, Igase K, Inoue N, et al. A double-blind, placebo-controlled, randomised clinical study of the effect of pork collagen peptide supplementation on atherosclerosis in healthy older individuals. Bioscience, Biotechnology, and Biochemistry. 2018;82(5):893–5.
Fonte

32. Tomosugi N, Yamamoto S, Takeuchi M, Yonekura H, Ishigaki Y, Numata N, et al. Effect of Collagen Tripeptide on Atherosclerosis in Healthy Humans. Journal of Atherosclerosis and Thrombosis. 2017;24(5):530–8.
Fonte

33. Collagen Peptides: Uses, Side Effects, Interactions, Dosage, and Warning [Internet]. WebMD
Fonte

34. Kucharz EJ. Collagen in the Nervous System. The Collagens: Biochemistry and Pathophysiology. 1992;:261–3.
Fonte

35. Humpel C, Ucar B. Collagen for brain repair: therapeutic perspectives. Neural Regeneration Research. 2018;13(4):595.
Fonte

36. Graham MF, Drucker DE, Diegelmann RF, Elson CO. Collagen synthesis by human intestinal smooth muscle cells in culture. Gastroenterology. 1987;92(2):400–5.
Fonte

37. Chen Q, Chen O, Martins IM, Hou H, Zhao X, Blumberg JB, et al. Collagen peptides ameliorate intestinal epithelial barrier dysfunction in immunostimulatory Caco-2 cell monolayers via enhancing tight junctions. Food & Function. 2017;8(3):1144–51.
Fonte

38. Scientific Opinion on the substantiation of a health claim related to collagen hydrolysate and maintenance of joints pursuant to Article 13(5) of Regulation (EC) No 1924/2006. EFSA Journal. 2011;9(7).
Fonte

39. Fenilcetonuria: MedlinePlus en español [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine. 2020.
Fonte

40. Vitamina C: MedlinePlus enciclopedia médica [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine; 2020.
Fonte

41. Magnesio en la dieta: MedlinePlus enciclopedia médica [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine; 2020.
Fonte

42. Grasas omega-3 – buenas para su corazón: MedlinePlus enciclopedia médica [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine; 2020.
Fonte

Por que você pode confiar em nós?

Angélica Collado Formada em Medicina
O objetivo de Angélica é seguir sua evolução constante no universo da saúde. Apaixonada por encontrar novas e melhores maneiras de aproveitar uma vida saudável e de aliviar as dores das pessoas,
Redatora do Saudável&Forte, Luiza pesquisa com muito cuidado e auxiliar na redação e edição de artigos relevantes que envolvem um dos temas que mais lhe interessam: o universo da suplementação.
Artigo científico
Ricard-Blum S. The Collagen Family. Cold Spring Harbor Perspectives in Biology. 2010;3(1).
Ir para a fonte
Estudo in vitro
Oxlund H, Andreassen TT. The roles of hyaluronic acid, collagen and elastin in the mechanical properties of connective tissues. Journal of Anatomy. 1980.
Ir para a fonte
Artigo científico
Papakonstantinou E, Roth M, Karakiulakis G. Hyaluronic acid: A key molecule in skin aging. Dermato-Endocrinology. 2012;4(3):253–8.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Varani J, Dame MK, Rittie L, Fligiel SE, Kang S, Fisher GJ, et al. Decreased Collagen Production in Chronologically Aged Skin. The American Journal of Pathology. 2006;168(6):1861–8
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Smith JG, Davidson EA, Sams WM, Clark RD. Alterations in Human Dermal Connective Tissue with Age and Chronic Sun Damage. Journal of Investigative Dermatology. 1962;39(4):347–50.
Ir para a fonte
Site oficial
Smoking: Does it cause wrinkles? [Internet]. Mayo Clinic. Mayo Foundation for Medical Education and Research; 2017.
Ir para a fonte
Artigo científico
Cao C, Xiao Z, Wu Y, Ge C. Diet and Skin Aging—From the Perspective of Food Nutrition. Nutrients. 2020;12(3):870.
Ir para a fonte
Revisão sistemática
Choi FD, Juhasz M, Mesinkovsk N. Oral Collagen Supplementation: A Systematic Review of Dermatological Applications. Journal of Drugs in Dermatology. 2019.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Laing S, Bielfeldt S, Ehrenberg C, Wilhelm K-P. A Dermonutrient Containing Special Collagen Peptides Improves Skin Structure and Function: A Randomized, Placebo-Controlled, Triple-Blind Trial Using Confocal Laser Scanning Microscopy on the Cosmetic Effects and Tolerance of a Drinkable Collagen Supplement. Journal of Medicinal Food. 2020;23(2):147–52.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Sibilla S, Borumand M. Daily consumption of the collagen supplement Pure Gold Collagen® reduces visible signs of aging. Clinical Interventions in Aging. 2014;:1747.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Jeong-Kee K y cols Beneficial Effect of Collagen Peptide Supplement on Anti-aging Against Photodamage. Korean Journal of Food Science and Technology. 2009.
Ir para a fonte
Livro
Molecular Cell Biology 4th edition. W H Freeman & Co; 2000
Ir para a fonte
Estudo in vitro
Yang F-C, Zhang Y, Rheinstädter MC. The structure of people’s hair. PeerJ. 2014;2.
Ir para a fonte
Estudo in vitro
Wang B, Wang Y-M, Chi C-F, Luo H-Y, Deng S-G, Ma J-Y. Isolation and Characterization of Collagen and Antioxidant Collagen Peptides from Scales of Croceine Croaker (Pseudosciaena crocea). Marine Drugs. 2013;11(11):4641–61.
Ir para a fonte
Artigo científico
Trüeb RM. The impact of oxidative stress on hair. International Journal of Cosmetic Science. 2015;37:25–30.
Ir para a fonte
Artigo científico
Seiberg M. Age-induced hair greying – the multiple effects of oxidative stress. International Journal of Cosmetic Science. 2013;35(6):532–8.
Ir para a fonte
Artigo científico
Wainstein GE. Patogénesis de la artrosis. Revista Médica Clínica Las Condes. 2014;25(5):723–7.
Ir para a fonte
Site oficial
Osteoartritis [Internet]. Mayo Clinic. Mayo Foundation for Medical Education and Research; 2020.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Bruyère O, Zegels B, Leonori L, Rabenda V, Janssen A, Bourges C, et al. Effect of collagen hydrolysate in articular pain: A 6-month randomized, double-blind, placebo controlled study. Complementary Therapies in Medicine. 2012;20(3):124–30
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Clark KL, Sebastianelli W, Flechsenhar KR, Aukermann DF, Meza F, Millard RL, et al. 24-Week study on the use of collagen hydrolysate as a dietary supplement in athletes with activity-related joint pain. Current Medical Research and Opinion. 2008;24(5):1485–96.
Ir para a fonte
Artigo científico
Bello AE, Oesser S. Collagen hydrolysate for the treatment of osteoarthritis and other joint disorders:a review of the literature. Current Medical Research and Opinion. 2006;22(11):2221–32.
Ir para a fonte
Artigo científico
Lawrence J. Building Stronger Bones [Internet]. WebMD. WebMD; 2011.
Ir para a fonte
Site oficial
What causes bone loss? : MedlinePlus Medical Encyclopedia [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine.
Ir para a fonte
Revisão sistemática
Porfírio E, Fanaro GB. Collagen supplementation as a complementary therapy for the prevention and treatment of osteoporosis and osteoarthritis: a systematic review. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia. 2016;19(1):153–64.
Ir para a fonte
Estudo ao vivo e in vitro
Guillerminet F, Beaupied H, Fabien-Soulé V, Tomé D, Benhamou C-L, Roux C, et al. Hydrolyzed collagen improves bone metabolism and biomechanical parameters in ovariectomized mice: An in vitro and in vivo study. Bone. 2010;46(3):827–34.
Ir para a fonte
Estudo em ratos
Kim H, Kim M-G, Leem K-H. Osteogenic Activity of Collagen Peptide via ERK/MAPK Pathway Mediated Boosting of Collagen Synthesis and Its Therapeutic Efficacy in Osteoporotic Bone by Back-Scattered Electron Imaging and Microarchitecture Analysis. Molecules. 2013;18(12):15474–89.
Ir para a fonte
Livro
Sikorski ZE. Chemical and functional properties of food proteins. Lancaster: Technomic; 2002.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Oertzen-Hagemann V, Kirmse M, Eggers B, Pfeiffer K, Marcus K, Marées MD, et al. Effects of 12 Weeks of Hypertrophy Resistance Exercise Training Combined with Collagen Peptide Supplementation on the Skeletal Muscle Proteome in Recreationally Active Men. Nutrients. 2019;11(5):1072.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Zdzieblik D, Oesser S, Baumstark MW, Gollhofer A, König D. Collagen peptide supplementation in combination with resistance training improves body composition and increases muscle strength in elderly sarcopenic men: a randomised controlled trial. British Journal of Nutrition. 2015;114(8):1237–45.
Ir para a fonte
Artigo científico
Tyagi. Blood flow interplays with elastin: collagen and MMP: TIMP ratios to maintain healthy vascular structure and function. Vascular Health and Risk Management. 2010;:215.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Igase M, Kohara K, Okada Y, Ochi M, Igase K, Inoue N, et al. A double-blind, placebo-controlled, randomised clinical study of the effect of pork collagen peptide supplementation on atherosclerosis in healthy older individuals. Bioscience, Biotechnology, and Biochemistry. 2018;82(5):893–5.
Ir para a fonte
Estudo em humanos
Tomosugi N, Yamamoto S, Takeuchi M, Yonekura H, Ishigaki Y, Numata N, et al. Effect of Collagen Tripeptide on Atherosclerosis in Healthy Humans. Journal of Atherosclerosis and Thrombosis. 2017;24(5):530–8.
Ir para a fonte
Site oficial
Collagen Peptides: Uses, Side Effects, Interactions, Dosage, and Warning [Internet]. WebMD
Ir para a fonte
Artigo científico
Kucharz EJ. Collagen in the Nervous System. The Collagens: Biochemistry and Pathophysiology. 1992;:261–3.
Ir para a fonte
Artigo científico
Humpel C, Ucar B. Collagen for brain repair: therapeutic perspectives. Neural Regeneration Research. 2018;13(4):595.
Ir para a fonte
Estudo in vitro
Graham MF, Drucker DE, Diegelmann RF, Elson CO. Collagen synthesis by human intestinal smooth muscle cells in culture. Gastroenterology. 1987;92(2):400–5.
Ir para a fonte
Estudo in vitro
Chen Q, Chen O, Martins IM, Hou H, Zhao X, Blumberg JB, et al. Collagen peptides ameliorate intestinal epithelial barrier dysfunction in immunostimulatory Caco-2 cell monolayers via enhancing tight junctions. Food & Function. 2017;8(3):1144–51.
Ir para a fonte
Artigo oficial da EFSA
Scientific Opinion on the substantiation of a health claim related to collagen hydrolysate and maintenance of joints pursuant to Article 13(5) of Regulation (EC) No 1924/2006. EFSA Journal. 2011;9(7).
Ir para a fonte
Site oficial
Fenilcetonuria: MedlinePlus en español [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine. 2020.
Ir para a fonte
Site oficial
Vitamina C: MedlinePlus enciclopedia médica [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine; 2020.
Ir para a fonte
Site oficial
Magnesio en la dieta: MedlinePlus enciclopedia médica [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine; 2020.
Ir para a fonte
Site oficial
Grasas omega-3 – buenas para su corazón: MedlinePlus enciclopedia médica [Internet]. MedlinePlus. U.S. National Library of Medicine; 2020.
Ir para a fonte