fosfatidilserina
Ultima atualização: 27 de novembro de 2020

Como escolhemos

22Produtos analisados

25Horas investidas

18Estudos avaliados

69Comentários coletados

Muitas vezes, buscamos atividades e produtos que ajudem a melhorar a saúde, a digestão, a pele e os ossos... E raramente nos lembramos de que é preciso cuidar de quem coordena tudo isso: o cérebro. Manter a saúde deste órgão vital é uma das propriedades da fosfatidilserina.

Estudos mostram que esse composto químico pode ajudar no funcionamento normal do cérebro, melhorar a memória e, até mesmo, ser usada no tratamento de doenças que afetam os neurônios. Se você quer saber mais sobre a fosfatidilserina e suas propriedades, siga conosco!




O mais importante

  • Após os 50 anos, a capacidade do cérebro pode se deteriorar em até 50%. É por esse declínio que os idosos têm mais problemas de memória e concentração.
  • A fosfatidilserina está concentrada nos neurônios e desempenha um papel muito importante no seu funcionamento, podendo melhorar a memória, o aprendizado e até o humor.
  • Os suplementos de fosfatidilserina podem ser usados ​​tanto em jovens que procuram melhorar seu desempenho quanto em pessoas mais velhas para evitar a perda de capacidade cognitiva.

Os melhores produtos de fosfatidilserina: nossas recomendações

Os suplementos de fosfatidilserina podem ser encontrados sob diversas formas, com combinações de ingredientes e com dosagens distintas. Nós pesquisamos os mais vendidos de 2021, com as melhores avaliações pelos compradores. Veja o que encontramos:

A fosfatidilserina em cápsulas líquidas

Nesse momento, o produto selecionado não está disponível no fornecedor. Por isso, o substituímos por outro com características similares. Para relatar um problema.

Das Problem mit diesem Produkt wurde gemeldet. Danke!

Ingerir duas cápsulas ao dia deste suplemento é a garantia de obter a dosagem adequada de fosfatidilserina. Assim, você ajuda a proteger as reações cerebrais e ainda reduzir os riscos de calcificação das artérias e melhorar os sistemas respiratório e digestivo.

Isso porque a fórmula, em cápsulas líquidas, combina a ação das vitaminas A, D3, E e K2. Sem corantes, glúten ou açucares, tem revestimento em glicerina vegetal, de absorção rápida.

O suplemento de fosfatidilserina com coenzima Q10

Nesse momento, o produto selecionado não está disponível no fornecedor. Por isso, o substituímos por outro com características similares. Para relatar um problema.

Das Problem mit diesem Produkt wurde gemeldet. Danke!

A fosfatidilserina é conhecida por auxiliar na melhora da função cognitiva e da memória, reduzindo os sintomas do déficit de atenção e da hiperatividade, além de contribuir para minimizar o estresse.

O diferencial deste suplemento é a sua sinergia com a coenzima Q10, repondo os níveis que se perdem ao longo dos anos, ajudando a retomar o bom funcionamento do cérebro e do coração. Além disso, conta com colina, que atua diretamente na comunicação das células cerebrais.

A fosfatidilserina ideal para veganos

Uma grande dificuldade para os veganos é ter certeza de que os suplementos consumidos são, de fatos, produzidos de forma 100% vegetal e com processos ecológicos.

Este suplemento tem certificado cruelty free e Non-GMO (sem manipulação transgênica). Além disso, é livre de corantes, conservantes, lactose, glúten e sódio. Suas cápsulas softgel são produzidas em glicerina vegetal.

Guia de compras: O que você precisa saber sobre a fosfatidilserina

Todas as células do corpo humano contêm fosfatidilserina. No cérebro, porém, elas são ainda mais abundantes! É por esse motivo que ela este composto é tão importante. Se você não conhece muito bem a fosfatidilserina e seus benefícios, esta seção traz respostas para muitas perguntas sobre ela. Vamos começar?

fosfatidilserina

A fosfatidilserina pode melhorar a memória e a concentração. (Fonte: Davydov: 120572309/ 123rf.com)

O que é a fosfatidilserina?

A fosfatidilserina é um composto químico presente nas camadas que circundam cada uma das células. Essas membranas também são conhecidas como fosfolipídeo.

Esse composto, portanto, é capaz de proteger as células e facilitar a troca de nutrientes, transportando para dentro o que é necessário e descartando o que não pode ser aproveitado (1).

Como está concentrada principalmente no cérebro e nos tecidos neurais, a fosfatidilserina tem grande importância para o funcionamento do sistema nervoso. Atualmente sua ação tem sido estudada para o tratamento de doenças que afetam os neurônios, como o Alzheimer (2).

A fosfatidilserina pode ser obtida pelos alimentos?

Apesar de o organismo ser capaz de produzir fosfatidilserina por conta própria, a maior parte deste composto é obtida por meio da ingestão de alimentos. Ela pode ser encontrada em muitos alimentos, sobretudo de origem animal.

Por isso, nem todas as pessoas conseguem consumir a fosfatidilserina por meio da dieta (3). Abaixo, mostramos os alimentos que possuem maior concentração deste nutriente:

Alimento Conteúdo a cada 100 gramas
Coração de frango 480 mg
Enguia 335 mg
Vísceras de porco 239 mg
Atum 194 mg
Coxa de frango com pele 134 mg
Fígado de frango 123 mg
Feijão branco 107 m/g
Moluscos de casca mole 87 mg
Porco 57 mg
Coxa de peru sem pele 50 mg
Peito de peru sem pele 45 mg
Anchova 25 mg

Em alguns casos de restrição alimentar, é possível consumir a dose recomendada de fosfatidilserina por meio de suplementos. Mas é fundamental contar com orientação especializada.

Benefícios da fosfatidilserina para o cérebro

O cérebro humano ó o primeiro órgão a receber os benefícios da fosfatidilserina. E existem estudos científicos que comprovam isso! Estas são suas propriedades mais estudadas:

  • Proteção da memória: de acordo com vários estudos, os suplementos de fosfatidilserina podem melhorar a retenção de conhecimento e prevenir a perda de memória associada ao envelhecimento (como ocorre no Alzheimer) ou em situações de alto estresse (4 , 5, 6, 7 );
  • Alívio do déficit de atenção: estudos encontraram melhora na atenção em crianças com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) . No entanto, não recomendamos dar esses medicamentos a crianças sem a supervisão do pediatra;
  • Controle do estresse: certos estudos sugerem que a fosfatidilserina tem um efeito importante no controle dos hormônios do estresse (cortisol). Graças a isso, ela poderia ajudar a controlar os efeitos do estresse e reduzir seu impacto negativo na saúde (7, 10);
  • Melhora do humor: de acordo com estudos, algumas pessoas que sofrem de depressão podem se beneficiar do consumo de fosfatidilserina, especialmente os idosos (11, 12) e mulheres com síndrome pré-menstrual (13).

fosfatidilserina

Nas pessoas da terceira idade, o uso da fosfatidilserina pode melhorar os sintomas da depressão. (Fonte: Rido: 107596045/ 123rf.com)

Fosfatidilserina para esportistas

Na busca por melhor desempenho físico, alguns estudos constataram que a fosfatidilserina pode ser capaz de acelerar a recuperação dos músculos, prevenindo a dor e melhorando a sensação de bem estar (14).

Esse efeito se deve ao fato de que a fosfatidilserina combate os efeitos do cortisol, o hormônio do estresse. Ele é produzido em excesso quando há uma grande exigência física do corpo. A ação do cortisol retarda a recuperação muscular.

O suplemento de fosfatidilserina tem sido usado ​​por alterofilistas e maratonistas, ajudando a combater as grandes cargas de estresse muscular que esses exercícios produzem, ajudando a melhorar o desempenho físico (15).

Fosfatidilserina e fosfatidilcolina são a mesma coisa?

Apesar de parecerem muito semelhantes — porque ambos são fosfolipídios — estes compostos são diferentes. Como mencionamos anteriormente, os fosfolipídios circundam e protegem nossas células e as ajudam a se alimentar.

A principal diferença entre esses dois elementos são as moléculas que lhes dão uma carga elétrica. A fosfatidilserina tem carga negativa e faz parte da camada interna de fosfolipídios que circundam as células (15).

Já a fosfatidilcolina tem carga positiva e é encontrada fora da camada celular. As duas trabalham juntas para fornecer estrutura e proteção às células do corpo, especialmente as do cérebro.

fosfatidilserina

Alguns estudos sugerem que a fosfatidilserina é capaz de acelerar a recuperação muscular após intensa atividade física, prevenindo a dor e melhorando a sensação de bem estar. (Fonte: Ammentorp: 107132056/ 123rf.com)

Como consumir a fosfatidilserina?

Os suplementos de fosfatidilserina são muito fáceis de tomar. Ainda que possa haver algumas diferenças de acordo com o fabricante, a apresentação e a composição do produto, basta seguir esses passos:

  1. Se for tomar fosfatidilserina em pó ou líquido, tenha certeza de fazer a medição correta, para obter sempre a mesma dose;
  2. Você pode consumir o suplemento junto com as refeições ou em outros momentos que sejam fáceis de lembrar, como ao acordar ou antes de dormir;
  3. Tente tomar o suplemento na mesma hora todos os dias;
  4. Siga as recomendações de consumo fornecidas pelo fabricante e não exceda a dose diária recomendada;
  5. Consulte seu médico antes de iniciar o tratamento com a fosfatidilserina para obter todos os detalhes sobre esse tipo de ingestão.

Qual a dose diária ideal de fosfatidilserina?

Até o presente momento, a ciência ainda não chegou a uma dose estabelecida de fosfatidilserina. No entanto, efeitos positivos observados em adultos, especialmente com relação à memória, se deram com o consumo de 100 mg, de 2 a 3 vezes ao dia (16).

Não é recomendado ultrapassar a dose de 300 mg ao dia, a menos que indicado por um profissional de saúde. O consumo em excesso pode trazer efeitos indesejados ao organismo.

Existem contra-indicações para a fosfatidilserina?

Se você estiver em algum desses grupos, deve evitar o uso da fosfatidilserina, a menos que tenha sido indicado pelo seu médico de confiança (16, 17):

  • Mulheres grávidas ou amamentando;
  • Indivíduos em tratamento  de doenças crônicas, como os hipertensos, diabéticos ou pessoas com outras doenças graves;
  • Bebês, crianças e adolescentes;
  • Pessoas com problemas no fígado ou rins;
  • Indivíduos que passarão por cirurgia em breve.

fosfatidilserina

Os suplementos de fosfatidilserina podem combater os efeitos negativos do estresse. (Fonte: Davydov: 134601874/ 123rf.com)

Há risco de interações com outros medicamentos?

Sim, é possível que a combinação dos suplementos de fosfatidilserina causem reações indesejadas quando consumidos em interação com outros medicamentos. Portanto, evite começar a suplementação caso esteja usando alguns destes fármacos (15):

  • Anticoagulantes, como  heparina, clopidogrel ou ticlopidina;
  • Anti-inflamatórios;
  • Medicamentos ou suplementos a base de alho (ou presente na formulação);
  • Vitamina E.

Se você estiver sob tratamento à base de medicamentos, converse com seu médico sobre a segurança de consumir suplementos simultaneamente com outros remédios.

Quais são os efeitos colaterais mais comuns?

Se você consumir fosfatidilserina respeitando todas as recomendações do fabricante — e seguindo os conselhos do seu médico —, é muito raro que possa sofrer algum efeito colateral. No entanto, você pode sentir náuseas, vômitos e indigestão.

Esses efeitos colaterais são mais comuns em caso de superdosagem. Se passar dos 300 mg de fosfatidilserina por dia, você pode ter alguma dessas reações. Portanto, lembre-se: não use mais do que o recomendado!

Dr. Hector SolórzanoMédico pesquisador
"A fosfatidilserina é necessária para a estimulação de neurotransmissores, substâncias químicas que transmitem informações no cérebro".

Critérios de compra

Acredite: escolher o suplemento ideal de fosfatidilserina é mais fácil do que pronunciar o nome deste composto! Brincadeiras à parte, é bom saber que, seguindo alguns critérios de compra, você terá em mãos um produto seguro e eficiente.Veja o que avaliar na hora de decidir:

Origem dos ingredientes

Até pouco tempo atrás, a fosfatidilserina era extraída do cérebro bovino. Embora muitas pesquisas tenham descoberto que essa forma era a mais eficaz, existe atualmente uma grande preocupação: um vírus que podem infectar o cérebro do gado.

Apesar de pequena, há uma chance de que esse vírus possa ser transmitidos para quem toma o suplemento, caso o gado tenha sido infectado. Por isso, os suplementos atuais usam apenas o composto extraído da soja e do repolho.

Mesmo assim, é bom ter atenção. Não compre, em hipótese alguma, um produto de fosfatidilserina proveniente de cérebro bovino. Tenha muito cuidado ao escolher!

fosfatidilserina

A fosfatidilserina pode ser encontrada em alimentos como o feijão branco. (Fonte: Siaath: 43954631/ 123rf.com)

Marcas desconhecidas

Muitas marcas de suplementos são desconhecidas do grande público. Isso não quer dizer que não sejam confiáveis. Porém, é sempre bom estar atento a algumas características para garantir que o produto seja de fato benéfico à sua saúde:

  • O produto é selado;
  • Contém uma lista clara de todos os ingredientes;
  • É vendido em um site confiável;
  • Tem boas críticas de consumidores.

Suplementos veganos

Como dissemos, antigamente os suplementos de fosfatidilserina eram produzidos a partir do cérebro bovino. No entanto, na maioria dos países eles já pararam de ser fabricados dessa forma há vários anos.

Hoje em dia, como optou-se por fabricar esses suplementos a partir de fontes vegetais como soja e repolho, todos os ingredientes dos suplementos são perfeitamente adaptados ao estilo de vida vegano ou vegetariano.

Ainda assim, vale a pena verificar se o suplemento é de fato vegano, para sua segurança. A maioria dos produtos traz um certificado ou a indicação dessa característica na própria.

Alergia ou intolerância alimentar

É muito importante verificar com cuidado os ingredientes do suplemento de fosfatidilserina que pretende consumir, especialmente se você possui alguma intolerância alimentar ou é alérgico a algum composto, seja ele natural ou sintético.

Muitas pessoas têm alergia à soja. Se este é o seu caso, tenha atenção redobrada na hora da compra. Isso porque muitos suplementos usam esse vegetal como uma das fontes da fosfatidilserina.

Se você sofre com qualquer tipo de alergia ou intolerância, verifique a formulação do suplemento antes do começar o uso. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico ou nutricionista para escolher o produto ideal.

Resumo

Fundamental para proteger a saúde do cérebro e, por consequência, do organismo em geral, a fosfatidilserina atua na membrana celular e protege as células do nosso corpo. A mais aclamada característica desse composto é a provável capacidade de prevenir e tratar problemas cognitivos, de memória, atenção e doenças degenerativas.

Neste artigo, falamos sobre todas essas possibilidades e sobre como a ciência está em busca de garantir o melhor proveito da fosfatidilserina para melhorar a saúde do sistema nervoso, em especial. Mostramos os alimentos que ajudam a aumentar os níveis de fosfatidilserina no organismos e como fazer a suplementação segura deste composto.

Por fim, esperamos ter esclarecido os benefícios e a ação deste composto tão pouco conhecido, mas de vital importância para a saúde. Se gostou, aproveite para nos deixar um comentário e compartilhar este guia em suas redes sociais. Ficaremos muito gratos! Até a próxima!

(Fonte da imagem destacada: Decoret: 94644430/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em nós?

Resenhas