Ultima atualização: 3 de outubro de 2021

Como escolhemos

34Produtos analisados

57Horas investidas

42Estudos avaliados

154Comentários coletados

Bem-vindo ao nosso grande teste L-lysine 2022. Aqui nós apresentamos todos os produtos L-lysine que nós testamos em detalhes. Nós compilamos informações detalhadas e adicionamos um resumo das opiniões dos clientes na internet. Nós queremos facilitar sua decisão de compra e ajudá-lo a encontrar o melhor L-lysine para você.

Você também pode encontrar respostas para as perguntas mais freqüentes em nosso guia. Se disponível, nós também oferecemos vídeos de teste interessantes. Além disso, você também encontrará algumas informações importantes nesta página que você definitivamente deve prestar atenção se você quiser comprar L-lysine.




O mais importante

  • A L-lysina é um aminoácido essencial e proteogênico. Essencial significa que não é produzido pelo seu corpo em si, mas é fornecido através de alimentos, e proteinogênico significa construção de proteína.
  • A lisina tem uma função importante dentro do sistema imunológico do seu corpo, está envolvida na construção da proteína e, junto com outros aminoácidos, na construção do colágeno.
  • A quantidade diária necessária de L-lysine é de cerca de 14 mg/kg, com base em um adulto saudável.

L-lisina: nossa recomendação dos melhores produtos

Guia: Perguntas que você deve fazer a si mesmo antes de comprar L-lysine

O que é L-lysine?

L-lysine, também chamada de Lys ou K, é um aminoácido essencial e proteogênico. Essencial significa que o aminoácido não pode ser produzido pelo seu próprio corpo e, portanto, deve ser fornecido através de alimentos. Proteinogênico significa construção proteica.

A lisina é, portanto, uma substância importante que está envolvida na construção da proteína em seu corpo. Com base em sua estrutura, a lisina é também um dos aminoácidos básicos. Em resumo, seu corpo precisa de L-lysine para construir músculo e outros aminoácidos.

Além disso, este aminoácido essencial é importante para o seu crescimento ósseo, está envolvido na divisão celular e na cicatrização de feridas e suporta o metabolismo da gordura.

Martina HeyerExpertin für Nahrungsergänzugsmittel
"A lisina é um aminoácido e tem funções para o sistema imunológico e a formação de enzimas. Muitos o conhecem por seu efeito bom e rápido sobre as feridas frias, porque ele tem habilidades antivirais. O tecido conjuntivo também se beneficia da lisina, porque ela é um importante bloco de construção nas paredes vasculares.

O queijo parmesão, atum, camarão e carne são ricos em lisina. Há uma necessidade extra em um sistema imunológico fraco, infecções por herpes, exercícios e doenças cardiovasculares"

O que a L-lysina faz no corpo?

O aminoácido essencial L-lysina tem uma função importante dentro do sistema imunológico do seu corpo, está envolvido na construção de proteínas e, junto com outros aminoácidos, na construção do colágeno (bloco de construção do tecido conjuntivo).

Uma deficiência de L-lysine pode ocorrer em diferentes grupos de pessoas e com vários sintomas. A seguir, gostaríamos de lhe dar uma breve visão sobre quem poderia ser afetado por uma deficiência e quais poderiam ser as conseqüências.

Parâmetros de deficiência de L-lisina Descrição
Pessoas afetadas Vegetarianos e veganos
Substâncias que inibem a absorção de L-lisina A L-arginina e a L-lisina interagem no processo de absorção. Uma ingestão muito alta de arginina pode, portanto, inibir L-lisina
Substâncias que auxiliam na absorção de L-lisina Uma ingestão conjunta de L-lisina junto com arginina ou carnitina melhora o efeito desejado de L-lisina.
Possíveis doenças secundárias de uma deficiência Declínio no desempenho, distúrbios de crescimento na infância, náuseas, deficiência imunológica, queda de cabelo, olhos vermelhos, etc.

A deficiência de lisina é perceptível através da pele frágil, unhas quebradiças e, em casos extremos, queda de cabelo. Outros sinais de deficiência de lisina são a fraca concentração, cansaço e olhos vermelhos. A lisina ajuda com feridas frias, herpes e outras infecções virais, suporta a cura de feridas, mas também regula a pressão alta e os altos níveis de lipídios no sangue.

Produktbild L-Lysin

A lisina promove a absorção e armazenamento do cálcio nos ossos e ajuda contra muitas infecções virais.

Quais alimentos contêm L-lysine?

L-lysine é mais comumente encontrada em alimentos para animais, mas também em alguns alimentos vegetais. Grandes quantidades são encontradas em queijo parmesão, peixe, carne suína e bovina, amendoim e lentilhas.

Mas batatas, feijão, pasta de tomate, figos secos e damascos também têm um alto valor de lycina. A tabela a seguir mostra quais alimentos contêm quantidades particularmente altas de L-lysine:

Tipo Quantidade
Queijo parmesão 3170 mg
Atum 2210 mg
Carne de porco 2120 mg
Soja 2020 mg
Lentilhas 1890 mg
Frango 1790 mg
Amendoim 1100 mg

Blau-weiße Kapseln, Nahrungsergänzungsmittel

Você pode comprar L-lysine principalmente em farmácias e algumas drogarias maiores. Você também pode encomendar L-lysine online. Lá você tem uma grande seleção e, em muitos casos, também a vantagem de revisões já existentes de clientes. (Foto: ranys / pixabay.com)

Quando você deve tomar L-lysine?

Em princípio, a necessidade de lisina é coberta por uma dieta equilibrada. Uma dieta balanceada e saudável deve ser a base e o fim de tudo antes de você se voltar para os suplementos alimentares.
Você sabia que você pode obter toda a sua necessidade diária de L-lysine a partir de apenas uma xícara de frango cozido? O Instituto de Medicina recomenda que os adultos consumam cerca de 2,3 a 2,8 gramas de L-lysine por dia. Uma xícara de frango cozido contém cerca de 3 gramas.

Mesmo o exercício intensivo não requer necessariamente o uso de suplementos dietéticos. A quantidade diária de lisina necessária para um adulto saudável é de cerca de 14 mg/kg.

A lisina é frequentemente recomendada para infecções recorrentes por herpes. Entretanto, há também uma necessidade maior de lisina em crianças, mulheres grávidas e mães lactantes.

Relatórios de testes mostraram que a absorção de L-lysine junto com o leite não é ótima. Por outro lado, é muito importante beber líquidos suficientes ao tomar o suplemento. A opção mais saudável neste caso seria a água.

Decisão: Que tipos de L-lysine existem e qual é o mais adequado para você?

Basicamente, você pode distinguir entre três tipos diferentes de L-lysine:

L-Lysin Produkte Einteilung

Os produtos de L-lysine podem ser divididos em cápsulas de L-lysine, comprimidos de L-lysine e pó de L-lysine.

As cápsulas são frequentemente feitas de gelatina - por isso são impróprias para veganos e vegetarianos. Aqueles que escolhem uma dieta baseada em plantas devem levar isso em consideração ao fazer a sua escolha. Não existe tal problema com os comprimidos e o pó. Deve-se notar que os comprimidos e as cápsulas frequentemente contêm outras substâncias.

Estes servem como agentes separadores ou para uma melhor preservação. As principais diferenças, portanto, estão nos ingredientes ou no processamento e, portanto, também no preço. Na seção seguinte, vamos olhar para cada tipo e explicar suas vantagens e desvantagens. No final, você deve ser capaz de tomar uma boa decisão.

O que distingue as cápsulas de L-lysine e quais são as vantagens e desvantagens?

As cápsulas de L-lysine são geralmente melhor toleradas e são fáceis de tomar. Elas são pré-doseadas e não precisam ser pesadas. Isso economiza tempo e é mais prático. Isto também tem aspectos negativos. A casca da cápsula contém gelatina, o que a torna imprópria para veganos ou vegetarianos.

Vantagens
  • Bem tolerado
  • Ingestão sem complicações - não precisa ser medida
Desvantagens
  • Gelatina - imprópria para vegetarianos/vegetarianos
  • Ingredientes adicionais
  • Caro

As cápsulas também contêm agentes separadores ou conservantes para torná-las mais duráveis. Estes não prejudicam a saúde, mas alguns consumidores preferem evitá-los. Como as cápsulas são mais complexas de produzir e já são dosadas, elas também custam mais. Especialmente para as pessoas que querem consumir L-lysine diariamente, este é um fator a ser considerado.

O que distingue os comprimidos de L-lysine e quais são as vantagens e desvantagens?

Os comprimidos são vegan porque não contêm gelatina. No entanto, eles também contêm substâncias adicionais que servem como conservantes. Assim como as cápsulas, os aditivos não são prejudiciais à saúde, mas eles poderiam ser evitados.

Vantagens
  • Nenhuma gelatina - vegana
  • Sabor neutro
  • Ingestão sem complicações - não precisa ser medida
Desvantagens
  • Caro
  • Ingredientes adicionais

Por outro lado, os comprimidos são frequentemente percebidos como tendo um sabor mais neutro que as cápsulas e são mais fáceis de tomar que o pó. Eles também já estão dosados e só precisam ser engolidos. Os comprimidos são mais caros do que o pó, mas às vezes mais baratos do que as cápsulas.

O que distingue o pó de L-lysine e quais são as vantagens e desvantagens?

Powder é a versão mais barata e mais produtiva de L-lisina. Especialmente para pessoas que precisam dela em altas doses ou muitas porções, esta variante solta é consideravelmente mais econômica. Ele pode ser dosado como desejado - ele vem em uma bolsa.

Vantagens
  • Inexpensive
  • High yield - pode ser dosado individualmente
  • Vegan / vegetariano
  • Sem aditivos
Desvantagens
  • Deve ser medido / pesado

Entretanto, você precisa de uma balança ou uma colher de medição e tem que se certificar de que você mesmo obtenha a dosagem correta. Isto consome mais tempo e leva mais tempo. Outra vantagem é que não há agentes separadores ou outros aditivos. O pó está, portanto, em forma pura e puramente herbal.

Critérios de compra: Você pode usar estes fatores para comparar e avaliar a L-lysine

A seguir gostaríamos de mostrar os fatores que você pode usar para comparar e avaliar os produtos da L-lysine. Isto tornará mais fácil para você decidir sobre um produto específico.

Nos parágrafos seguintes você pode ler sobre os critérios de compra e como você pode classificá-los.

Lisina por porção / porções por embalagem

Em média, os comprimidos de lisina contêm 500 - 600 mg de lisina por cápsula. No entanto, alguns fabricantes também oferecem comprimidos de dose dupla. Os comprimidos de lisina são convenientes de transportar, mas a vantagem da lisina em pó é que você mesmo pode dosá-los.

As dosagens recomendadas são fornecidas com cada produto, mas basicamente você deve usar o seguinte cálculo para um adulto saudável: 14 mg L-lysine x peso corporal em kg = necessidade diária de L-lysine Uma embalagem é suficiente para cerca de 30 a 500 porções. Deve ser dito aqui que as porções por pacote variam muito e a lisina em pó é muito mais substancial.

Ingredientes

A maioria dos comprimidos e pós de L-lysine tem um sabor neutro. A coisa boa sobre eles é que eles estão livres de aditivos. É importante para os veganos ou vegetarianos saber que a maioria das cápsulas contém gelatina bovina. Entretanto, já existem muitos fabricantes que dependem de agentes vegetais para o revestimento da cápsula.

Outro ingrediente encontrado em quase todos os comprimidos é o esterol de magnésio. Estes são sais de magnésio de ácido esteárico e são obtidos a partir da divisão de óleos e gorduras. Isto pode vir de fontes animais ou vegetais.

Na maioria dos casos, no entanto, isto é explicitamente declarado nos ingredientes. Como os comprimidos e o pó geralmente contêm apenas lisina pura e agentes separadores, eles também são livres de lactose e glúten.

Produktbild L-Lysin

A maioria dos suplementos de L-lysine em todas as formas de dosagem também são adequados para veganos. Eles também são livres de lactose e glúten.

Relação preço-desempenho

Para calcular a relação preço-desempenho da L-lisina, é primeiro importante saber quanta lisina está contida nas cápsulas ou se o pó de lisina contém outros aditivos (por exemplo, para estiramento).

Comparado aos comprimidos, a L-lisina em pó é muito mais abundante e, portanto, oferece uma melhor relação custo-benefício. A única desvantagem da lisina em pó é seu sabor amargo, que pode ser evitado com a ingestão de comprimidos.

L-Lysin Preis

Nós olhamos para um total de 495 produtos L-lysine. Você deve esperar um preço médio de 15-20 EUR.

País de fabricação

É importante notar se o produto foi produzido dentro da UE ou não. Suplementos alimentares estão na fronteira entre medicamentos e alimentos, e muitas vezes há diferentes diretrizes rígidas e requisitos de rotulagem em todo o mundo.

Se você comprar seu produto L-lysine em uma farmácia, tenha os ingredientes explicados a você em detalhes. Entretanto, se você comprar pela internet, seja crítico quando se trata do país de fabricação e dos ingredientes. Por exemplo, as diretrizes na UE são muito mais rígidas do que para os produtos produzidos nos EUA. No entanto, o país de produção não deve ser um critério decisivo.

Fatos que vale a pena saber sobre a L-Lycin

Qual é o sabor da L-Lycin?

As formas mais comuns de L-Lycin são na forma de pó ou comprimidos. Os comprimidos de licina geralmente têm um sabor neutro. O aminoácido em pó também é normalmente oferecido na forma neutra, que se caracteriza por um sabor ligeiramente amargo.

Como a L-lysine é produzida?

A bactéria do solo C. Glutamicum é um dos organismos de produção mais importantes da L-lisina. O aminoácido é normalmente produzido com este microorganismo usando o método de fermentação.

O que são aminoácidos?

Aminoácidos são compostos orgânicos de carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio. Os aminoácidos contêm o oxigênio vital que não é encontrado em carboidratos e gorduras, por exemplo. Cerca de um quinto do seu corpo consiste de aminoácidos e proteínas. Eles são responsáveis pela formação de tecidos, órgãos, músculos, pele e cabelos em seu corpo.

Você sabia que o corpo contém 20 aminoácidos diferentes? Entretanto, apenas 11 dos 20 aminoácidos podem ser produzidos pelo próprio corpo. O restante é fornecido através de alimentos.

Uma distinção grosseira é feita entre aminoácidos essenciais e não essenciais. Aminoácidos não essenciais podem ser produzidos pelo próprio corpo, enquanto que aminoácidos essenciais não podem ser produzidos pelo próprio corpo e, portanto, são obtidos a partir de alimentos. A seguir está uma lista dos oito aminoácidos essenciais

  • L-isoleucina
  • L-Leucine
  • L-lysine
  • L-Methionine
  • L-Fenilalanina
  • L-treonina
  • L-tryptophan
  • L-valina

Créditos das fotos: 91955440 - ©piotrkt / 123rf.com

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas