Duas pessoas calçadas com pé de pato na beirada de uma piscina
Ultima atualização: 5 de julho de 2021

Como escolhemos

21Produtos analisados

17Horas investidas

3Estudos avaliados

77Comentários coletados

Não há quem não conhece o famoso pé de pato usado na natação. Esse acessório permite que o corpo fique bem posicionado dentro da água, possibilitando melhores movimentos e aprimorando o desempenho do nadador.

Pensando nessa questão, selecionamos dicas para você encontrar o melhor modelo de pé de pato para suas aulas de natação. Todas elas estão detalhadas no artigo a seguir:




O mais importante

  • O pé de pato é importante para os exercícios na água, pois ele ajuda o nadador a se manter na posição adequada, favorecendo a propulsão dos movimentos, sem gastar tanta energia.
  • A recomendação é usar o pé de pato sempre dentro da água. Se você não está acostumado com ele, tome cuidados para evitar lesões, bolhas e outras feridas. Meias de neoprene também oferecem proteção.
  • Ao comprar o pé de pato, tenha certeza que o modelo selecionado é realmente adequado a você. Por isso, observe o tamanho e a fabricação do calçado, além de avaliar se o formato é ideal ao seu estágio de aprendizagem.

Pé de pato: nossa recomendação dos melhores produtos

O pé de pato é fundamental para a natação, se você quiser melhorar ainda mais seu desempenho. Por isso, ter um bom produto faz a diferença. Montamos um ranking com as melhores opções de nadadeiras do mercado:

Guia de compra: o que você precisa saber sobre pé de pato

Não importa se você é iniciante ou está no nível profissional, os pés de pato são acessórios essenciais para a prática aquática, pois suas características favorecerão o aprimoramento das técnicas de nado.

O contato maior com a água, feita por esse produto, permitirá que você tenha mais propulsão e posicionamento ao nadar. Por isso, não deixe de ler o artigo com todos os detalhes acerca desse objeto:

Menino sentado na beirada da piscina com roupa de natação e pés de pato

A propulsão é um dos melhores benefícios oferecidos pelo uso dos pés de pato. (Foto: Pixabay/Pexels)

Quais são as partes de um pé de pato?

Engana-se quem pensa que o pé de pato é um formado de uma estrutura única. Suas partes são distintas e têm determinadas funcionalidades. Na sequência, explicamos cada uma delas para você:

  • Pala: Parte da frente da nadadeira, abrangendo a maior área do calçado. É responsável pela quantidade de água deslocada nos movimentos da natação. Cada modelo será específico para um tipo de prática aquática.
  • Bolso: Região onde o nadador vai colocar o pé para calçar a nadadeira. Algumas têm calcanhares abertos e outras com formato fechado.
  • Longarina: Nem todos os modelos possuem esse recurso. Eles acompanham as laterais do pé de pato e servem para deixar a nadadeira mais forte, favorecendo a elasticidade e o controle.
  • Canaleta: São os canais por onde a água flui no pé de pato, reduzindo sua resistência e permitindo movimentos mais dinâmicos que não desgastam o nadador.

Para que serve o pé de pato?

Uma das funções do pé de pato é melhorar a habilidade técnica, aumentando o contato do nadador com a água e favorecendo a propulsão dos movimentos. A densidade hídrica é cerca de 800 vezes maior que a do ar.

Isso faz com que o déficit calórico ao nadar seja muito elevado, dificultando o posicionamento do corpo. Na água, os membros inferiores tendem a afundar, enquanto o tórax flutua. O pé de pato ameniza isso, mantendo o nadador horizontalmente.

Os pés de pato surgiram a partir de outra invenção do norte-americano Benjamin Franklin conhecida como "mãos de pato", usada para otimizar as braçadas na água.

Como usar o pé de pato?

É importante para os iniciantes nas práticas aquáticas usar o pé de pato, pois eles favorecerão o movimento na água, aumentando a propulsão e permitindo que deslizes mais fáceis na superfície.

Além do acessório, fique atento ao posicionamento do corpo e dos braços nos movimentos. Pranchas de natação facilitam esse processo. No vídeo, confira orientações de como nadar corretamente:

Como evitar lesões ao usar o pé de pato?

Muita gente sofre com bolhas, calos e feridas quando não está acostumada com o pé de pato. Esse é um problema que afeta principalmente nadadores iniciantes e o desconforto chega a ser natural.

Para evitar lesões, observe características da nadadeira, especialmente se o tamanho do equipamento é adequado ao seu pé. Tanto calçados apertados quanto soltos trazem prejuízos.

Usar meias de neoprene também evitam que o seu pé saia machucado, fornecendo barreira entre ele e o aparelho. Não coloque meias de tecido, pois não são indicadas nesses casos.

Por que nadar com o pé de pato?

As vantagens do pé de pato nas práticas aquáticas são comprovadas por fatores científicos e experimentais. Com eles, certamente o nadador terá um bom desempenho devido às características técnicas do produto.

Esses efeitos são sentidos não apenas nas pernas, mas em todo corpo. Listamos os principais motivos - e os contrapontos - que você deve avaliar ao comprar uma nadadeira:

Vantagens
  • Fortalece a musculatura das pernas
  • Corrige o movimento do nadador
  • Melhora a flutuabilidade
  • Maior gasto calórico e aptidão física
  • Aumento da flexibilidade nas articulações
Desvantagens
  • Precisa de cuidados na danificação
  • Não deve ser usado em qualquer ambiente
  • Pode provocar lesões

Dicas para a manutenção do pé de pato: quais são?

A vida útil das suas nadadeiras pode ser mais longa com determinados cuidados. O principal é sempre lavar o acessório após o uso com água doce para retirar o cloro. Ao secar, não deixe-o exposto ao Sol, pois resseca.

Além disso, guarde os pés de pato na posição horizontal, porque o empilhamento pode danificá-los. Por fim, evite usar o equipamento fora da água, por exemplo, na beira da piscina, para não forçá-lo demais, causando quebras ou rachaduras.

Mulher com roupa de mergulho e pés de pato nadando no oceano

Nunca deixe o pé de pato secando ao sol ou use-o fora da água pois danifica o equipamento. (Foto: Freepik)

Critérios de compra: O que levar em conta ao comparar os modelos de pé de pato

Você já notou que as vantagens do pé de pato são muitas, mas só serão alcançadas com o modelo adequado ao seu pé e treino. Para te ajudar nessa escolha, explicaremos fatores que devem ser analisados. São eles:

Material

Carbono, fibra de vidro e poliamida são as principais matérias-primas usadas para a fabricação de nadadeiras. Detalhamos os potenciais de cada uma delas:

  • Nadadeiras de carbono: Esse material gera resistência e leveza aos movimentos, resultando em menor esforço e melhor propulsão. Contudo, seu custo é elevado e precisam de certos cuidados na manutenção.
  • Nadadeiras de fibra de vidro: Também são resistentes, porém mais robustas e com preço mais acessível que as de carbono. Mas, são mais pesadas para realizar os movimentos.
  • Nadadeiras de poliamida: São as mais baratas do mercado. Possuem boa resistência, robustez e custo de aquisição. É ideal para quem está iniciando na natação.

Tamanho

O comprimento do pé de pato está ligado diretamente ao estilo de pala, parte maior à frente do acessório, que exerce a pressão contra a água e ajuda na propulsão. Palas curtas geralmente promovem movimentos mais rápidos e exigem menos esforço.

Enquanto isso, palas mais longas fazem o nado mais rápido, já que aceleram o deslize na água, porém exigem mais desempenho físico.

Teste também o tamanho da nadadeira em relação ao seu pé. A maioria dos modelos possuem numeração entre 36 a 42. O interessante é escolher um formato que se encaixa perfeitamente, sem apertar ou ficar solto demais.

Abertura do calcanhar

Na hora de comprar uma nadadeira, você vai perceber que existem modelos com o calcanhar aberto e outras com fechado. A diferença entre eles está na possibilidade de ajuste oferecida pelas abertas por meio do fecho.

Enquanto isso, no caso dos pés de patos fechados é preciso que ele seja do tamanho adequado à pessoa para evitar prejuízos posteriormente.

Pés de pato empilhados em uma pedra próxima ao mar

Nadadeiras abertas são mais comuns pois permitem que o nadador ajuste o aparelho ao tamanho do seu pé. (Foto: Mali Maeder/Pexels)

Tipo de atividade

Os pés de pato estão presentes em diversas atividades que vão do lazer às categorias profissionais. Tenha em mente onde você vai usar o aparelho antes de escolher um modelo, pois só assim ele atenderá às suas necessidades eficazmente.

Para pessoas que são iniciantes nas práticas aquáticas ou querem usar somente para momentos de passeios, prefira formatos que sejam leves e de fácil movimentação. Já nadadores profissionais devem optar por nadadeiras mais específicas.

Resumo

Os pés de pato te ajudarão muito na natação, aprimorando os movimentos e evoluindo ainda mais sua performance na água. Mas, tenha em mente que o mais importante é ter um equipamento confortável que atenda às suas necessidades.

De nada adiantará uma nadadeira tecnológica se ela não estiver alinhada às suas habilidades técnicas e capacidades físicas.

(Fonte da imagem destacada: jaysi/123rf)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas