A escolha de um suplemento proteico é uma tarefa muito simples para a maioria das pessoas. Os produtos a base de whey ou caseína estão na moda e são as primeiras escolhas de esportistas e apaixonados pela nutrição. Mas, qual a saída para aqueles que, por qualquer razão, não podem consumir esses famosos suplementos? Você já ouviu falar da proteína de ervilha?

Nesse mais novo artigo será apresentada uma ótima alternativa para substituir o whey e a caseína e que chegou para ficar. A proteína de ervilha é um suplemento hipoalergênico e também pode ser consumida por veganos. Ela se adapta aos mais diferentes tipos de dietas e não deixa nada a desejar a qualquer tipo de complemento nutricional.

O mais importante

  • A proteína de ervilha é um suplemento obtido a partir de um legume, a ervilha amarela. Os suplementos de proteína de ervilha podem ser utilizados por veganos ou intolerantes ao glúten, a lactose ou a soja. Seu perfil proteico é similar ao do whey e da caseína.
  • Na hora da compra de um suplemento a base de proteína de ervilha é preciso ter certeza que está livre de pesticidas e metais pesados. É importante também certificar seu método de armazenamento, validade e custo-benefício.
  • Embora a proteína de ervilha possua pouco aminoácido essencial metionina, sua elevada concentração de arginina faz desse suplemento um produto perfeito para quem deseja preservar a saúde cardiovascular.

Os melhores suplementos de proteína de ervilha: Nossas sugestões

Esse Ranking a seguir foi criado para apresentar os cinco melhores suplementos feitos com proteína de ervilha. Para melhor lhe informar, foi levado em consideração a composição de cada produto, a relação custo-benefício e as avaliações realizadas por outros consumidores.

O melhor custo-benefício

Esse suplemento é um dos mais reconhecidos do mercado e também um dos que comercializa o maior volume de uma só vez (1 kg), sendo ideal para quem deseja suplementar diariamente. Conforme a fabricante, basta adicionar 2 scoops em 200 ml de água para ingerir de forma correta o produto.

A opção com selo clean label

A Q48 é uma outra fabricante que investe em potes grandes e que garante uma suplementação diária para os amantes dos exercícios físicos ou mesmo, levando em conta o grande prazo de validade, uma longa rotina de suplementação para outras necessidades. Além disso, é extraída a partir de ingredientes naturais Clean Label, 100% livre de componentes animais.

A proteína de ervilha mais saborosa

Esse suplemento da Sports Nutrition é realmente um dos pontos altos do mercado, pois, oferece 600 gramas de produto a um dos preços mais baixos do comércio, garantindo um ótimo custo-benefício. Além disso, esse item é muito prático, já que é comercializado em 20 sachês de 25 g cada, facilitando a dosagem para o consumo.

Guia de Compras: O que você deve saber sobre a proteína de ervilha

A proteína de ervilha é uma alternativa perfeita aos suplementos mais reconhecidos, como o whey e a caseína. Esse produto possui um perfil de aminoácidos ótimo para aqueles que desejam emagrecer e ganhar massa muscular, podendo também ser consumido por veganos, celíacos e intolerantes a lactose.

Mulher sentada na mesa comendo salada.

Os veganos que desejam ganhar massa muscular podem se beneficiar do uso de proteína de ervilha. (Fonte: Kachmar: 76174549 / 123rf.com)

O que é a proteína de ervilha?

Os suplementos de proteína de ervilha são responsáveis por fornecerem oito dos nove aminoácidos essenciais. Portanto, esses compostos são indispensáveis na formação de proteínas no organismo.

Na tabela a seguir, você encontrará o perfil completo dos aminoácidos essenciais por 100 gramas de produto:

Aminoácidos Quantidade de aminoácido (gramas) Ingestão Diária Recomendada (IDR) (gramas) Porcentagem de IDR (%)
Histidina 1,5 1,5 100 %
Isoleucina 3,2 3 107 %
Leucina 6,4 5,9 108 %
Lisina 5,2 4,5 116 %
Metionina 1 3,8 26 %
Fenilalanina 4 3,8 105 %
Treonina 3 2,3 130 %
Triptofano 1,1 0,6 183 %
Valina 3,9 3,9 100 %

Como é fácil perceber, a proteína de ervilha só não proporciona um fornecimento essencial da metionina. Mas, felizmente, esse nutriente é abundante em alimentos de origem animal e em cereais comuns, principalmente na alimentação do brasileiro, como o arroz.

Entre os aminoácidos fornecidos estão a leucina, a isoleucina e a valina, também conhecidos como aminoácidos de cadeia ramificada ou BCAA. Os BCAA são compostos ricos em carbono que favorecem a formação de músculos, portanto, uma adição imprescindível para qualquer suplemento esportivo.

foco

Você sabia que estudos comprovaram que ratos suplementados com proteína de ervilha aumentaram suas expectativas de vida em relação aos outros roedores?

Para que servem os suplementos de proteína de ervilha?

  • Controle de peso: Uma suplementação diária dessa proteína resulta em uma maior sensação de saciedade, garantindo uma dieta mais equilibrada.
  • Ganho de massa muscular: A combinação dos BCAA presentes na proteína com o exercício físico resultará no crescimento da fibra muscular.
  • Recuperação pós-treino: A proteína de ervilha também proporciona uma melhor recuperação pós exercício físico. Ela pode ser tomada antes ou depois do treino e contribui para uma menor frequência de lesões, dores musculares e câimbras.
  • Melhora da saúde cardiovascular: A proteína de ervilha é rica em arginina. Esse aminoácido é vasodilatador, favorecendo um maior fluxo de sangue e contribuindo para a saúde cardiovascular.
  • Diminui o colesterol: Essa proteína é pobre em gorduras saturadas e rica em antioxidantes que podem melhorar o perfil do colesterol, diminuindo a concentração do LDL ou “mau colesterol”.

Em resumo, a proteína de ervilha é um suplemento nutricional que ajuda você a cumprir todas as melhores metas de saúde. Você pode utilizar esse produto para ganhar ou perder peso, diminuir fadiga pós-treino ou mesmo para melhorar sua saúde em termos gerais!

Imagem de grãos de ervilha e outras sementes em colher.

A proteína é sintetizada a partir da ervilha amarela e não a partir da, mais comum, ervilha verde. (Fonte: Zerbor: 20243478 / 123rf.com)

Qual a diferença entre a proteína de ervilha e outros suplementos proteicos?

Devido a grande efetividade das proteínas mais famosas, como o whey e a caseína, muitos devem se perguntar qual a real necessidade de suplementar com a proteína de ervilha. Veja a lista a seguir e descubra o motivo desse suplemento ser tão especial:

  • Mais saudável por ser uma proteína vegetal: O consumo desses produtos está relacionado com a perda de peso, com um melhor nível de vitaminas e antioxidantes e a melhora da saúde, em geral.
  • Eficaz como a proteína animal: Geralmente, os suplementos de origem animal (como o whey e a caseína) possuem uma maior absorção e eficácia do que a proteína vegetal. Entretanto, a proteína de ervilha se aproxima muito desses outros produtos, chegando a igualar o whey quando se trata do ganho de massa muscular.
  • Proteína de fácil digestão: Por ser livre de lactose, glúten e soja, a absorção dessa proteína é muito fácil e isso permite seu uso por praticamente qualquer tipo de pessoa.
  • Pode ser usada por veganos: O whey e a caseína são sintetizadas a partir de derivados do leite, portanto, são proteínas não usadas por veganos. Em substituição, essas pessoas podem melhorar seus desempenhos esportivos ao suplementar com a proteína de ervilha.
Proteína de ervilha Whey Caseína
Proteína Vegetal Animal Animal
Apta para veganos Sim Não (existem opções para lactovegetarianos) Não (existem opções para lactovegetarianos)
Lactose Sem lactose Contém lactose Contém lactose
Absorção Lenta Rápida Lenta
BCAAs  Fornecimento de 24 g de BCAA por 100 g de produto Fornecimento de 32 g de BCAA por 100 g de produto Fornecimento de 20 g de BCAA por 100 g de produto
Vantagens Fornecimento elevado de arginina e antioxidantes Pode aumentar a síntese de imunoglobulinas e melhorar a imunidade Fornecimento de elementos bioativos (antioxidantes, digestivos e anticoagulantes)
Nutrientes adicionais Fornecimento adicional de ferro Fornecimento de vitamina A Fornecimento de cálcio e fósforo
Sabor Suave sabor de vegetais Neutro ou levemente amargo Sabor “ao leite”
Interações medicamentosas Não consta Interações com quinolonas, tetraciclinas, levodopa e alendronato Interações com quinolonas, tetraciclinas, levodopa e alendronato

Se você é alguém que faz uso de alguma medicação, pense bem antes de começar o uso de suplementação. Os suplementos que possuem lactose podem interferir em alguns fármacos (antibióticos, medicamentos com hormônios para tireoide e para osteoporose). Não existem relatos de interações desses com a proteína de ervilha.

Logicamente, devido suas virtudes e o preço baixo, o whey é o “rei dos suplementos”. Entretanto, para aqueles que por algum motivo possuem restrições quanto a sua suplementação (veganos, alérgicos, intolerantes a lactose e doentes crônicos), podem substituir essa fonte nutricional pelo uso da proteína de ervilha.

Karen CollinsNutricionista

Hoje em dia, a proteína assumiu um papel de protagonismo na dieta e a proteína de ervilha passou a ser uma opção muito saudável. Tradicionalmente se tentava aumentar o acúmulo de proteína com porções maiores de carne, mas foi comprovado que o excesso do consumo de carne vermelha e processada aumenta o risco de câncer e outras patologias crônicas”.

Quais são as desvantagens dos suplementos de proteína de ervilha?

Apesar dos suplementos de proteína de ervilha oferecerem vários benefícios, também é preciso conhecer suas desvantagens. Felizmente, esses pontos podem ser resolvidos facilmente e não devem ser grandes problemas para a maioria das pessoas. A seguir você encontrará maiores detalhes a respeito:

  • Baixos níveis de metionina: Já foi citado anteriormente que esse suplemento fornece pouca metionina. Esse aminoácido essencial, necessário para a formação de proteínas e para o bem-estar cardiovascular, é encontrado em animais, cereais e em alguns legumes, como o grão-de-bico.
  • Fornecimento elevado de sódio: A proteína de ervilha pode conter uma alta concentração de sódio (até 390 miligramas por dose). É recomendado que não se consuma mais do que 2300 miligramas de sódio por dia, sendo reduzida para 1500 miligramas quando se trata de hipertensos.
  • Fornecimento de ácido fítico: Esse ácido é um composto antioxidante que reduz a probabilidade do aparecimento de câncer. Entretanto, ele também inibe a absorção de ferro. As pessoas que sofrem de anemia devem contrabalancear esse efeito com o consumo de vitamina C.

Um planejamento cuidadoso da dieta é essencial para se evitar excessos ou carências relacionadas com a proteína de ervilha. Se você for alérgico a algum outro tipo de legume, deve perguntar a um médico sobre a possibilidade de reação alérgica cruzada antes de começar a suplementar.

Se você comparar as vantagens e as desvantagens dos suplementos de proteína de ervilha, certamente irá encontrar que os aspectos positivos superam muito os aspectos negativos. Para resumir, foi criada essa tabela de prós e contras da suplementação com proteína de ervilha:

A favor Contra
Proteína vegana Pobre em metionina
Sem glúten, sem lactose, sem soja, sem frutos do mar Alta concentração de sódio
Fácil digestão Possíveis reações de hipersensibilidade cruzada
Liberação lenta de aminoácidos Pode impedir a absorção de ferro
Baixo nível de gorduras saturadas
Rica em BCAA
Rica em antioxidantes
Fornecimento de ferro
Textura agradável
Sabor suave

Critérios de Compra

Para que você escolha o melhor suplemento de proteína de ervilha é preciso levar em consideração uma série de características chaves que serão responsáveis pela qualidade final do produto. A seguir, serão apresentados alguns critérios de compra para lhe ajudar nessa escolha:

  • Pesticidas e metais pesados
  • Formato
  • Armazenamento
  • Validade
  • Relação custo-benefício

Pesticidas e metais pesados

Antes de comprar uma proteína de ervilha, examine o rótulo com bastante cuidado. Se certifique que as ervilhas amarelas tenham sido cultivadas em um solo livre de metais pesados e fora da exposição a pesticidas químicos. Dessa forma, você poderá se livrar do consumo de grandes quantidades de tóxicos responsáveis por colocarem em risco sua saúde.

Proteína de ervilha em pó.

A proteína de ervilha é rica em arginina, um aminoácido essencial para a saúde cardiovascular. (Fonte: Kostrez: 65331528 / 123rf.com)

Formato

O formato de apresentação mais comum para os suplementos de proteína de ervilha é o pó, que deverá ser dissolvido em algum líquido antes de ser ingerido. Entretanto, também é possível encontrar esse produto em cápsulas, uma opção rápida e limpa, mas menos flexíveis para a manipulação de doses personalizadas.

Dr. Josh AxeNutricionista

“A proteína de ervilha não leva benefícios apenas para seu corpo; já se sabe também que ela é capaz de preservar a saúde de seu coração”.

Armazenamento

Vários desses suplementos também já apresentam consciência ambiental, pois, muitos são armazenados em conteúdos biodegradáveis ou recicláveis. Além disso, se certifique da resistência dessas embalagens para evitar danos e a perda do produto em casos de pequenas quedas ou batidas (principalmente se você for comprar pela internet).

foco

Você sabia que sempre se recomenda guardar os suplementos de proteína de ervilha em lugares frescos e secos, mas nunca no congelador ou geladeira?

Validade

O pó da proteína de ervilha perde a validade, aproximadamente, dois anos após sua fabricação. A partir desse momento, o suplemento começa a perder suas propriedades, diminuindo sua efetividade. Ingeri-la não será tóxico, mas será inútil. Verifique a validade do produto antes da compra.

Custo-benefício

O custo de 1 kg de proteína de ervilha fica em torno de R$ 60 a R$ 200. Se você deseja suplementar diariamente, um pacote desse tamanho durará cerca de um mês.

A maioria das pessoas só consegue observar os resultados depois de três meses ou mais, resultando assim em um maior investimento para perceber os efeitos no corpo.

Resumo

Ainda há muito o que se descobrir na área da nutrição esportiva e da suplementação, sendo a proteína de ervilha uma grande prova dessa afirmação. Mesmo esse composto sendo uma ótima alternativa para aqueles intolerantes ao whey e a caseína, e rendendo uma suplementação completa e de altíssima qualidade, muitas pessoas nunca ouviram falar dela.

Além de contribuir para o ganho de massa muscular, para a perda de peso e para a recuperação muscular, a proteína de ervilha também melhora a saúde cardiovascular mediante um maior fornecimento de arginina. Portanto, esse produto lhe permitirá manter um exterior tonificado e um interior saudável.

Esperamos que esse artigo sobre a proteína de ervilha tenha sido muito esclarecedor para você. Se sim, deixe um comentário e também o compartilhe em suas redes sociais!

(Fonte da imagem destacada: Kostrez: 65331530 / 123rf.com

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
67 Voto(s), Média: 4,55 de 5
Loading...