Imagem de uma corda de pular.
Ultima atualização: 15 de junho de 2021

Muitas pessoas se perguntam se pular corda emagrece mesmo. Esse exercício aeróbico aumenta o gasto calórico e ajuda a queimar gordura, portanto, é ideal para quem busca emagrecer enquanto se diverte.

O mais bacana é que existem variações a esse exercício, em diferentes graus de dificuldade. Pensando nisso, preparamos um conteúdo completo sobre como incluir esse exercício em seu treino e conquistar tais benefícios.




O mais importante

  • Além de auxiliar no emagrecimento e definição muscular, pular corda também ajuda a aumentar o equilíbrio, coordenação motora e melhorar a postura.
  • Para emagrecer, você deve pular corda por cerca de 30 minutos diariamente. Cada meia hora de treino equivale a 400 calorias gastas, ou seja, após um mês, você consegue eliminar 12.000 calorias, que correspondem a 1,5Kg a 2Kg.
  • Pular corda beneficia os membros superiores e inferiores, pois durante a prática deste exercício ocorrem movimentos sincronizados dos braços e pernas.

Pular corda emagrece? Mitos e verdades explicados

Pular corda é um exercício físico que pode apresentar certo nível de dificuldade e esforço corporal, mas com a prática constante, esse exercício será um dos favoritos em seu programa de emagrecimento. Continue a leitura para entender os efeitos e resultados de pular corda diariamente.

Imagem de uma mulher pulando corda.

Pular corda pode ser ainda mais eficiente do que a corrida para quem busca emagrecimento saudável. (Fonte: Element5 Digital/ Unsplash.com)

Pular corda emagrece mesmo?

Com certeza, pois pular corda é um exercício aeróbico, ou seja, utiliza oxigênio para gerar energia para os músculos, através de movimentos ritmados e repetitivos, que ajudam na queima de calorias e gordura localizada.

Em nível de comparação, estima-se que 30 minutos pulando corda sem descanso seja melhor para emagrecer do que uma corrida com os mesmos 30 minutos de duração. O melhor é que você pode pular corda em uma academia ou como parte de sua sessão de treino em casa.

Quantos quilos consigo perder pulando corda?

Lembra que mencionamos que pular corda por 30 minutos pode ajudar a queimar mais calorias do que correr pelos mesmos 30 minutos. Dependendo do metabolismo de cada pessoa, é possível perder cerca de 400 calorias em meia hora de treino.

Desse modo, se você pular corda diariamente por 30 minutos por 30 dias é possível queimar cerca de 12 mil calorias. Considerando que um quilo corporal equivale a cerca de 7 mil calorias, seria possível perder cerca de dois quilos apenas pulando corda. A perda de peso pode aumentar com uma dieta para emagrecer.

Para quem está começando, pular corda por cerca de 15 minutos já é suficiente. Importante mencionar que resultados expressivos começam a aparecer entre 45 e 90 dias de prática de atividade intensa, portanto, não desanime se os resultados não forem tão expressivos nos primeiros 30 dias.

Quais são os benefícios de pular corda?

Conforme mencionamos anteriormente, pular corda é uma atividade aeróbica, logo ajuda a aumentar a frequência cardíaca, proporcionar queima calórica intensa e estimular o ganho de condicionamento físico. Todos esses benefícios não apenas ajudam a emagrecer, como fortalecem o coração.

A atividade física também proporciona benefícios para o cérebro, pois ajuda a ganhar equilíbrio, coordenação motora e concentração. A melhora na postura também é notável, pois é necessário manter a postura ereta e o abdômen contraído durante o exercício.

Esses benefícios são para o corpo inteiro, pois pular corda exige movimentos coordenados entre braços e pernas, que têm a musculatura ativada durante toda a atividade.

Existe alguma restrição de quem não pode pular corda para emagrecer?

Qualquer exercício que envolve saltos e piruetas causa certo impacto nas articulações dos joelhos, quadris e tornozelos, inclusive pular corda. Embora o impacto não seja tão grande, pois os pulos são baixos e o peso corporal é dividido nas duas pernas, é preciso atenção.

Quem possui problemas nas articulações, está lesionado, com sobrepeso ou obeso, precisa realizar um trabalho de fortalecimento antes de começar a pular corda. Mulheres gestantes e idosos também devem tomar muito cuidado ao realizar os movimentos.

Quem sofre de problemas cardíacos pode pular corda como atividade esportiva, desde que possua liberação médica. No entanto, para quem possui doenças no coração, a atividade deve ser realizada dia sim dia não e ser intervalada, ou seja, pular corda por um minuto e parar por um minuto e assim sucessivamente.

Imagem de um homem pulando corda.

Pessoas mais velhas devem ter cuidado redobrado ao pular corda. (Fonte: Anna Shvets/ Pexels.com)

Treino aeróbico com corda

Antes de falarmos sobre os treinos com corda, precisamos explicar como realizar o movimento corretamente. Preste atenção à postura, o tronco deve permanecer ereto durante todo o exercício e o abdômen contraído, enquanto os saltos devem ser baixos, com joelhos levemente semiflexionados e com aterrissagem nas pontas dos pés.

Treino para iniciante

Quem está começando, deve apostar no treino intervalado, ou seja, pular corda por um minuto e descansar por um minuto, em um treino básico de 10 a 15 minutos de duração. Conforme você adquire habilidade, pode aumentar a duração do treino e experimentar saltos mais avançados e aumentar a duração do treino:

  • Pular corda com um pé só.
  • Double under: consiste em realizar duas voltas com a corda em um único movimento.
  • Giro cruzado: cruzar os braços enquanto salta.

Existe alguma especificação quanto ao tamanho da corda?

Quem deseja pular corda como atividade esportiva, deve escolher uma corda no tamanho certo, para que consiga realizar diversos estilos de saltos sem prender os pés na corda durante os movimentos.

Para escolher uma corda em tamanho perfeito, você deve permanecer com o corpo ereto e com os pés em cima da corda, depois estender os braços para medir o tamanho da corda que não deve ficar abaixo do peito, nem ultrapassar a altura das axilas.

O ideal é que a corda seja um pouco mais longa para quem está começando a pular corda como atividade esportiva, pois seus movimentos serão mais lentos. Conforme você adquire habilidade, você pode encurtar a corda.

Resumo

Pular corda como exercício aeróbico garante inúmeros benefícios para a saúde como gasto de calorias, queima de gordura localizada e definição muscular.

Com apenas 30 minutos diariamente, é possível queimar cerca de 400 calorias que resultam na perda de até dois quilos ao mês.

(Fonte da imagem destacada: Dom J/ Pexels.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas