Ultima atualização: 3 de outubro de 2021

Como escolhemos

19Produtos analisados

42Horas investidas

14Estudos avaliados

75Comentários coletados

Quase um terço dos alemães agora tomam suplementos vitamínicos regularmente. Seja em forma de cápsula ou pó, com estas preparações você pode facilmente fornecer vitaminas ao seu corpo.

Mas os suplementos vitamínicos são realmente eficazes ou existem também efeitos colaterais que você deve estar ciente? Neste teste de suplemento vitamínico 2022 nós mostraremos se estes suplementos realmente ajudam ou são apenas um produto de estilo de vida desnecessário.




Os fatos mais importantes em resumo

  • As deficiências vitamínicas estão se tornando cada vez mais comuns. Especialmente entre vegetarianos, veganos ou pessoas com problemas metabólicos.
  • Os suplementos vitamínicos ajudam você a compensar uma deficiência vitamínica. No entanto, você deve sempre prestar atenção à dosagem ao tomar suplementos alimentares.
  • Suplementos vitamínicos são frequentemente vistos como uma alternativa rápida para equilibrar uma dieta desequilibrada. Entretanto, você deve evitar isso, porque mesmo os suplementos não podem compensar uma dieta desequilibrada.

Suplementos vitamínicos: nossa recomendação dos melhores produtos

Critérios de compra e avaliação

de suplementos vitamínicos Ao comprar suplementos vitamínicos, você pode prestar atenção a vários aspectos, tais como:

Ao fazer a escolha certa para você, você pode economizar dinheiro e também garantir que você não dê ao seu corpo nada que ele não precise. Portanto, procure sempre por alta qualidade e peça para ver os certificados do fabricante, se necessário.

Modo de ação

Dependendo da forma em que são administrados, os vários preparados vitamínicos têm um modo de ação diferente. As pastilhas efervescentes ou suco, por exemplo, funcionam muito mais rápido do que as pastilhas.

Estes podem ser absorvidos pelo corpo com mais eficiência do que comprimidos ou cápsulas, que primeiro têm que se dissolver no corpo. Em contraste, comprimidos ou cápsulas agem como uma espécie de depósito, pois se dissolvem mais lentamente e podem, portanto, ser completamente absorvidos pelo corpo.

Uma dieta equilibrada é a base mais importante.

Os preparados vitamínicos destinam-se a ajudar você a estabilizar sua dieta saudável e equilibrada e, em alguns casos, a suplementar as vitaminas em falta. No entanto, uma dieta equilibrada é o todo e o fim de tudo.

Os preparados de vitaminas só devem ser usados se houver uma deficiência real que não possa ser simplesmente eliminada com alimentos. De acordo com a Stiftung Warentest, estas preparações fazem sentido especialmente para grupos de pessoas que tomam ferro, flúor, iodo ou vitamina D.

Estas são as vitaminas mais importantes na Alemanha. Afinal de contas, de acordo com o consumidor testador, estes são os sintomas de deficiência mais conhecidos na Alemanha. O fato é: para compensar a deficiência adequadamente, é necessário levá-la ao longo de várias semanas. (1, 2)

Dosagem

Os preparados vitamínicos pertencem a suplementos alimentares. Portanto, os ingredientes destes são regulados a nível europeu pela Diretiva 2002/46/CE. Testes mostram que muitas pessoas tomam preparados vitamínicos em uma dosagem muito alta.

Por esta razão, é melhor consultar um médico antes de iniciar seu próprio tratamento para determinar quão alta a dosagem deve ser, a fim de prevenir overdose e os possíveis efeitos colaterais. (3)

Efeitos colaterais

Embora o corpo seja muito bom na excreção do excesso de vitaminas, ainda é possível ter overdoses com uma grande quantidade de preparados vitamínicos. Assim, é claro, os efeitos colaterais ocorrerão.

Dependendo da vitamina, você pode sentir comichão, diarréia, flatulência ou constipação. Se você notar tais efeitos colaterais, você deve definitivamente parar de usar o seu preparado vitamínico. (4)

Aplicação

Devido às muitas formas de preparados vitamínicos, há muitas aplicações diferentes que podem ser adaptadas às suas próprias necessidades. Os comprimidos são particularmente adequados para pessoas com uma rotina diária estressante.

Os comprimidos e cápsulas são fáceis de integrar na vida cotidiana.

Porque eles oferecem a você uma boa opção de dosagem. Em geral, pode-se dizer que as cápsulas e comprimidos revestidos são os mais adequados para o uso diário. As cápsulas não contêm lactose e normalmente não têm um travo amargo.

Os comprimidos revestidos são muito fáceis de engolir por causa do filme que eles contêm. Entretanto, se você tiver dificuldade para engolir, comprimidos efervescentes ou suco são mais adequados para você. Estes são completamente descomplicados e também são perfeitos para crianças.

Tamanho da embalagem

Os suplementos vitamínicos são um produto que normalmente é projetado como cura. Isto significa que eles têm que ser tomados diariamente por várias semanas.

Portanto, é altamente recomendável descobrir quanto tempo durará o tratamento antes de comprar o produto, para não desperdiçar dinheiro desnecessariamente. Para tratamentos de longo prazo, o médico frequentemente aconselha a compra de um pacote a granel para economizar dinheiro.

No entanto, você deve dar uma olhada na data de validade de sua preparação. Se ela durar pouco tempo, é melhor comprar pacotes novos e menores nesse meio tempo.

Guia: Perguntas freqüentes sobre suplementos vitamínicos respondidas em detalhes

Para lhe fornecer informações abrangentes sobre a eficácia dos suplementos vitamínicos e para lhe dar uma compreensão do estado atual da ciência, resumimos todas as informações importantes nas seções seguintes.

O que são suplementos vitamínicos e como eles funcionam?

Os suplementos vitamínicos parecem ser a maneira mais rápida e fácil de alcançar uma dieta e estilo de vida equilibrados. Eles geralmente são fáceis de engolir rapidamente e são, portanto, geralmente tomados como uma saída para fazer algo bom para o corpo.

Estes preparados vitamínicos vêm em muitas formas diferentes, como pó, comprimidos, suco ou cápsulas.

Efeito dos suplementos vitamínicos para mulheres grávidas

Geralmente falando, se você fizer uma dieta balanceada durante sua gravidez, você receberá quase todos os nutrientes importantes para você e seu bebê. Entretanto, um nível mais alto de vitaminas e minerais é necessário durante a gravidez do que em circunstâncias normais.

O ácido fólico em particular é uma vitamina importante para a formação do sangue durante a gravidez. Mas o iodo também é muito importante, pois é necessário nos primeiros meses de gravidez para o desenvolvimento das glândulas tiróides da criança.

Mas a B12, vitamina D e B6 também são muito relevantes durante a gravidez. Entretanto, a ingestão de tais preparados vitamínicos deve ser sempre discutida com um médico antes. Tomar esses suplementos indiscriminadamente também pode ser prejudicial. (5, 6)

Efeito durante o esforço atlético

Em muitas propagandas, os preparados vitamínicos para atletas são denunciados com frases como "vitaminas esportivas suportam o pico de desempenho" ou "podem prevenir lesões e acelerar a regeneração".

Por outro lado, é comum ouvir-se dizer que pessoas esportivas não precisam temer uma deficiência vitamínica ou mesmo uma enchente de radicais livres. Isto porque uma maior necessidade de energia não significa necessariamente uma maior necessidade de vitaminas.

Os maratonistas podem frequentemente ter uma necessidade de vitamina B1 que aumenta em proporção ao seu consumo de carboidratos.

A ingestão suficiente de vitaminas é especialmente importante para os atletas. (Fonte de imagem: unsplash / Serena Repice Lentini)

De modo geral, complementar a dieta com suplementos vitamínicos só ajuda se de fato houver uma deficiência. Caso contrário, nenhum efeito positivo pode ser comprovado.

No caso das vitaminas C, E ou da provitamina beta-caroteno, um estudo mostra que nenhum aumento no desempenho muscular ou uma redução da reação de estresse muscular foi demonstrado com ingestão desnecessária.

Portanto, tenha cuidado com o excesso de vitaminas antioxidantes. Porque os radicais livres em nosso corpo têm uma tarefa importante, ou seja, eles estão sinalizando moléculas.

Se tomarmos muita vitamina C, por exemplo, os caminhos de sinalização podem ser impedidos, prejudicando assim também os mecanismos adaptativos e o desempenho. (7)

Efeito na fadiga e resfriados

Uma meta-análise mostra que a vitamina C não previne um resfriado, mas pode reduzir a duração de um resfriado. O zinco pode realmente reduzir tanto a freqüência quanto a duração das infecções.

Entretanto, isto só é verdade a partir de uma dosagem de 75 mg/d. Entretanto, a ingestão de zinco a longo prazo pode ser prejudicial. Isto leva a uma grave deficiência de cobre, mesmo que seja tomada por mais de uma semana. O zinco não deve ser tomado por mais de dois a três dias no início da infecção.

A vitamina D é provavelmente a vitamina mais eficaz para reduzir a infecção respiratória. Uma deficiência em vitaminas pode aumentar a suscetibilidade à infecção, e esta deficiência pode então ser compensada.

Aqui, entretanto, o efeito é o contrário - quanto mais baixo o nível, mais forte o efeito. (8, 9) Os

suplementos vitamínicos são tão bons quanto uma dieta saudável?

Às vezes parece mais fácil obter sua ração diária de vitaminas apenas tomando comprimidos ou pó - sem nenhum tipo de cozimento. Mas muitas pessoas parecem esquecer que mesmo os suplementos dietéticos não conseguem equilibrar uma dieta desequilibrada. (10)

Vitaminpräparate

Uma dieta equilibrada é a base mais importante. Portanto, suplementos vitamínicos só devem ser tomados se isso for garantido e você ainda tiver sintomas de deficiência. (Fonte de imagem: unsplash / Engin Akyurt)

As vitaminas dos alimentos são geralmente muito mais eficazes porque o corpo processa os alimentos naturalmente. Isto significa que muito mais vitaminas podem ser metabolizadas porque você passa muito mais tempo comendo uma banana, por exemplo, ao invés de simplesmente engolir um comprimido.

Para quem são recomendados suplementos vitamínicos?

Geralmente falando, suplementos vitamínicos não são necessários. Entretanto, isto muda para certos grupos de risco que correm o risco de não tomar vitaminas suficientes devido ao seu estilo de vida.

Estes incluem vegetarianos e veganos, por exemplo. Na maioria das vezes eles são deficientes em vitamina B12, que só é encontrada em alimentos para animais. Portanto, esses grupos de pessoas dependem de suplementos alimentares para evitar uma suposta deficiência.

Se elas querem engravidar, as mulheres devem começar a tomar ácido fólico com 4 semanas de antecedência.

Isto pode prevenir malformações ou deficiências na criança. A vitamina A, por outro lado, deve ser quase evitada durante a gravidez, pois poderia prejudicar a criança. (11, 12) Mas as pessoas com uma doença metabólica também devem falar com seu médico sobre suplementos vitamínicos.

Para pessoas com, por exemplo, problemas de tireóide ou gastrointestinais, o equilíbrio dos nutrientes pode sair mais frequentemente do normal. Naturalmente, suplementos vitamínicos também são adequados para crianças.

Estes são normalmente suplementos especiais para crianças, que você pode comprar agora em quase todos os lugares.

É possível uma overdose em preparados vitamínicos?

Se a ingestão de nutrientes é muito alta, o corpo excreta o excesso de substâncias porque não consegue absorvê-las todas. Assim, uma overdose de vitaminas não é possível através da mera ingestão de alimentos. Com comprimidos, por outro lado, é.

Quais os tipos de preparados vitamínicos existentes?

Basicamente, existem seis tipos diferentes de preparados vitamínicos.

  • Cápsulas vitamínicas
  • Comprimidos vitamínicos
  • Comprimidos efervescentes vitamínicos
  • Drágeas vitamínicas
  • Vitamina em pó
  • Suco vitamínico

Cada um desses diferentes tipos tem suas vantagens e desvantagens, que discutiremos nos parágrafos seguintes.

Cápsulas de vitaminas

O ingrediente ativo das cápsulas de vitaminas está dentro da casca da cápsula. Esta casca é geralmente feita de gelatina, razão pela qual não é adequada para vegetarianos ou veganos.

Vitaminpräparate

As cápsulas de vitaminas são perfeitas para a vida diária estressante, pois são ideais para quem está em movimento. (Fonte de imagem: unsplash / Michele Blackwell)

As cápsulas de vitaminas são especialmente adequadas para pessoas que querem tomá-las facilmente ou que são intolerantes à lactose. Entretanto, ao contrário dos comprimidos, as cápsulas de vitaminas não podem ser dosadas e você sempre precisa de água para tomá-las.

Vantagens
  • Fácil de tomar
  • Não contém lactose
Desvantagens
  • Você sempre precisa de água para tomá-los
  • Não pode ser dosada

Comprimidos de

vitaminas Os comprimidos de vitaminas são prensados em uma forma sólida e na maioria dos casos contêm aditivos como a lactose. Eles são fáceis de integrar, especialmente em uma rotina diária estressante, porque podem ser dosados.

No entanto, elas só podem ser tomadas com água e às vezes têm um mau gosto residual.

Vantagens
  • Parcialmente dosado individualmente
  • Fácil de tomar
  • Adequado para uma vida diária estressante
Desvantagens
  • Geralmente de mau gosto
  • Só pode ser tomado com água

Dragees de vitaminas

Dragees de vitaminas são pequenos comprimidos prensados que são cobertos com uma película lisa. Isto os torna mais fáceis de engolir e também evita um gosto residual evitável.

É por isso que os comprimidos revestidos são super fáceis de integrar na vida cotidiana. Entretanto, eles não podem ser dosados porque não podem ser divididos.

Vantagens
  • Sem sabor ruim
  • Fácil de tomar por causa do filme aplicado
Desvantagens
  • Normalmente não pode ser dividido
  • Não pode ser dosado individualmente

Suco de vitamina

Suco de vitamina está disponível em uma forma líquida fina ou como um xarope grosso. A vantagem desta variante é que o corpo geralmente absorve este produto mais rapidamente do que comprimidos ou cápsulas.

Sucos vitamínicos geralmente têm aromatizantes adicionados, e é por isso que este suco também é bem adequado para crianças. Isto porque eles sabem muito bem e são fáceis de beber.

Vantagens
  • Adequado para crianças
  • Absorvido rapidamente pelo corpo
  • Pode ser dosado individualmente
Desvantagens
  • Não é prático para viagens

Comprimidos de vitaminas efervescentes

Este tipo de preparação de vitaminas só pode ser dissolvido com água. Os comprimidos de vitaminas efervescentes são normalmente aromatizados, e é por isso que eles também são bem aceitos pelas crianças.

Os comprimidos efervescentes também são uma ótima alternativa para pessoas com dificuldades de deglutição. Entretanto, a dosagem individual também não é possível aqui.

Vantagens
  • Fácil de tomar
  • Adequado para pessoas com dificuldades de deglutição
Desvantagens
  • Só pode ser tomado com água
  • Não pode ser dosado individualmente

Vitamina em pó

Vitamina em pó é muito fácil de dosar. É especialmente adequado para atletas porque o pó é muito fácil de misturar em um smoothie. A desvantagem do pó é que ele geralmente contém aditivos químicos como o açúcar.

Isto pode então afetar o equilíbrio hormonal ou mesmo desencadear alergias.

Vantagens
  • Adequado especialmente para atletas
  • Fácil de tomar
Desvantagens
  • Normalmente contém muitos aditivos

Qual é a diferença entre medicamentos e preparados vitamínicos?

Na maioria dos casos, a embalagem dos preparados vitamínicos é quase indistinguível da dos medicamentos. Por causa disso, muitas pessoas pensam que podem depositar a mesma confiança nestes suplementos alimentares que depositam nos medicamentos.

No entanto, os preparados vitamínicos não pertencem à categoria de medicamentos, mas à de suplementos alimentares.

A maior diferença entre medicamentos e preparados vitamínicos está em sua composição.

Enquanto os medicamentos só são colocados no mercado após extensos testes, o efeito dos preparados vitamínicos só é examinado depois que eles estão no mercado.

Isto significa, por exemplo, que a cápsula de vitamina C que você toma pela manhã pode não ter sido testada para ver se ela realmente contém vitamina C. Mas a coisa mais importante a saber é que os suplementos alimentares não podem curar doenças.

Suplementos alimentares frequentemente não listam suas interações. Isto pode ser um problema, especialmente para pacientes com câncer. O efeito da quimioterapia pode ser enfraquecido ou intensificado por um excesso de vitaminas. (13)

Quais alternativas existem para os preparados vitamínicos?

Na verdade, suplementos vitamínicos já são a alternativa para frutas e vegetais. Portanto, se você sabe que só quer tomar estes suplementos vitamínicos porque pode não ter tempo para comer o suficiente, você deve repensar seu estilo de vida.

Vitaminpräparate

Suplementos vitamínicos só ajudam com deficiências vitamínicas. Portanto, se você tomar suplementos vitamínicos sem sintomas de deficiência, alguns deles não serão absorvidos pelo organismo e podem até mesmo levar a efeitos colaterais. (Fonte de imagem: unsplash / NordWood)

Estes suplementos devem ser tomados somente por aqueles em risco de deficiência de vitaminas. Portanto, se você não é vegetariano ou vegano, ou tem uma doença metabólica, você deve simplesmente alcançar a cesta de frutas como uma alternativa. (14)

Fonte da imagem: Vodolazskyy / 123rf

Referências (14)

1. Vitaminprodukte: Viel hilft viel – stimmt das? (n.d.). Retrieved November 20, 2020
Fonte

2. Warentest, S. (n.d.). Vitamine und Nahrungsergänzungsmittel. Retrieved November 20, 2020
Fonte

3. Engelmann, V. (2018, August 21). Ist ein Übermaß an Vitaminen schädlich? Retrieved November 20, 2020
Fonte

4. Deutscher Ärzteverlag GmbH, R. (2003, May 23). Unerwünschte Nebenwirkungen bei Nahrungsergänzungsmitteln. Retrieved November 20, 2020
Fonte

5. Sperlich, D., & MSc, H. (2013, June 18). Nahrungsmittelergänzung in der Schwangerschaft. Retrieved November 20, 2020
Fonte

6. Freising-Weihenstephan, den 17. Januar 2011/ Technische Universität München/ Prof. Dr. Hans Hauner
Fonte

7. Zum Sport eine Extra-Portion Vitamine? (n.d.). Retrieved November 20, 2020
Fonte

8. Borsch, J. (2018, November 27). Mit Vitaminen und Co. vor Erkältung schützen: Was sagt die Evidenz? Retrieved November 20, 2020
Fonte

9. Vitamine und Spurenelemente: Helfen sie gegen Erkältungen? (2019, August 21). Retrieved November 20, 2020
Fonte

10. Einnahme von Vitaminpräparaten und Nahrungsergänzungsmitteln risikobehaftet. (n.d.). Retrieved November 20, 2020
Fonte

11. Mayer, S. (2009), Vitamine in der Schwangerschaft. Welche Vitaminpräparate empfehle ich der Schwangeren?. Pharmazie in unserer Zeit, 38: 162-167.
Fonte

12. De‐Regil LM, Peña‐Rosas JP, Fernández‐Gaxiola AC, Rayco‐Solon P. Effects and safety of periconceptional oral folate supplementation for preventing birth defects. Cochrane Database of Systematic Reviews 2015, Issue 12. Art. No.: CD007950. DOI: 10.1002/14651858.CD007950.pub3.
Fonte

13. Sonja Raum Bayerisches Landesamt für Gesundheit und Lebensmittelsicherheit. (2017, February 21). Abgrenzung zwischen Arzneimitteln und Nahrungsergänzungsmitteln. Retrieved November 20, 2020
Fonte

14. Sieling, B. (2019, March 29). Ernährungsexperte klärt auf: So sinnvoll sind Vitaminpräparate wirklich - WELT. Retrieved November 20, 2020
Fonte

Por que você pode confiar em mim?

Gute Ernährung ist die wichtigste Grundlage.
Vitaminprodukte: Viel hilft viel – stimmt das? (n.d.). Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Stiftung Warentest zeigt, für wen sich die Einnahme von Vitaminpräparaten eignet.
Warentest, S. (n.d.). Vitamine und Nahrungsergänzungsmittel. Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Die Dosierung sollte vorher am besten mit einem Arzt besprochen werden.
Engelmann, V. (2018, August 21). Ist ein Übermaß an Vitaminen schädlich? Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Nebenwirkungen bei einen Übermaß von Vitaminpräparaten.
Deutscher Ärzteverlag GmbH, R. (2003, May 23). Unerwünschte Nebenwirkungen bei Nahrungsergänzungsmitteln. Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Während der Schwangerschaft sollte man nicht unbedacht Vitaminpräparate zu sich nehmen.
Sperlich, D., & MSc, H. (2013, June 18). Nahrungsmittelergänzung in der Schwangerschaft. Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Während der Schwangerschaft sollte man genügend Mineralstoffe zu sich nehmen aber nicht im Übermaß.
Freising-Weihenstephan, den 17. Januar 2011/ Technische Universität München/ Prof. Dr. Hans Hauner
Ir para a fonte
Meistens machen Vitaminpräparate nur bei Ausdauersportlern Sinn.
Zum Sport eine Extra-Portion Vitamine? (n.d.). Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Vitamin C kann die Erkältungsdauer zwar verringern, sie aber nicht verhindern.
Borsch, J. (2018, November 27). Mit Vitaminen und Co. vor Erkältung schützen: Was sagt die Evidenz? Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Zink und Vitamin D helfen auch bei Erkältung.
Vitamine und Spurenelemente: Helfen sie gegen Erkältungen? (2019, August 21). Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Vitaminpräparate helfen nur bei Vitaminmangel.
Einnahme von Vitaminpräparaten und Nahrungsergänzungsmitteln risikobehaftet. (n.d.). Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Diese Vitamine sind in der Schwangerschaft empfehlenswert.
Mayer, S. (2009), Vitamine in der Schwangerschaft. Welche Vitaminpräparate empfehle ich der Schwangeren?. Pharmazie in unserer Zeit, 38: 162-167.
Ir para a fonte
Vitamine in der Schwangerschaft können auch viele Nebenwirkungen haben.
De‐Regil LM, Peña‐Rosas JP, Fernández‐Gaxiola AC, Rayco‐Solon P. Effects and safety of periconceptional oral folate supplementation for preventing birth defects. Cochrane Database of Systematic Reviews 2015, Issue 12. Art. No.: CD007950. DOI: 10.1002/14651858.CD007950.pub3.
Ir para a fonte
Der Unterschied zwischen Medikamenten und Vitaminpräparaten.
Sonja Raum Bayerisches Landesamt für Gesundheit und Lebensmittelsicherheit. (2017, February 21). Abgrenzung zwischen Arzneimitteln und Nahrungsergänzungsmitteln. Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Die besten Vitamine befinden sich im Obst.
Sieling, B. (2019, March 29). Ernährungsexperte klärt auf: So sinnvoll sind Vitaminpräparate wirklich - WELT. Retrieved November 20, 2020
Ir para a fonte
Resenhas