Mãos femininas segurando as manoplas da fita de TRX
Ultima atualização: 7 de julho de 2021

Como escolhemos

18Produtos analisados

17Horas investidas

4Estudos avaliados

78Comentários coletados

Se você está em busca de um exercício físico para desenvolver a resistência do seu corpo, então não deixe de conhecer o TRX. Um tipo de treino realizado em suspensão que pode ser executado em qualquer situação ou lugar.

Seu equipamento principal consiste em duas tiras de nylon reguláveis acopladas a argolas para apoiar os pés e as mãos. Ficou interessado nessa modalidade esportiva? Confira todos os detalhes sobre ela no artigo que fizemos a seguir:




Primeiro, o mais importante

  • O TRX é um treino feito em suspensão. Seus exercícios são realizados com a ajuda de um equipamento formado por duas tiras de nylon reguláveis acopladas em argolas que servirão para os pés e as mãos.
  • O treino no TRX é muito versátil e inclui uma sequência diversa de exercícios com flexões, agachamentos e abdominais. Ele pode ser praticado dentro de casa, na academia e até em espaços abertos.
  • Para alcançar os resultados da prática de TRX, é preciso realizar os exercícios com segurança. Por isso, verifique se o equipamento está em condições de uso com o apoio bem fixado, capaz de suportar o peso do seu corpo.

Melhores TRX: nossas recomendações

Para alcançar os benefícios oferecidos pelo TRX, você vai precisar do equipamento adequado. Trouxemos uma lista com sugestões de produtos para esse tipo de treino muito populares entre os consumidores na internet:

Guia de compra: tudo o que você precisa saber sobre TRX

Equilíbrio, resistência, flexibilidade e tonificação muscular são algumas das capacidades físicas desenvolvidas durante os treinos de TRX. Modalidade esportiva que se popularizou por oferecer tantos benefícios ao corpo. Conheça mais:

Mulher na academia fazendo TRX na fita de suspensão

O TRX pode ser praticado tanto em casa como em espaços abertos e academias. (Foto: Jonathan Borba/Pexels)

O que é o TRX?

TRX é uma sigla do termo inglês "Total-Body Resistance Exercise". Um tipo de treino feito em suspensão, por meio de exercícios realizados com o peso do corpo, que desenvolve a resistência do organismo por completo.

Essa atividade pode ser praticada em qualquer lugar, basta que os usuários tenham o equipamento adequado. Ele é constituído de duas tiras de nylon resistentes e reguláveis acompanhadas de argolas para apoiar os pés e as mãos.

Como a estrutura desse equipamento é leve e portátil, ele possibilita que muitos exercícios sejam executados com TRX. Eles podem ser feitos em qualquer lugar de modo individual ou em grupo.

O TRX surgiu no final do século XXI a partir de uma necessidade da marinha norte-americana, que queria manter os marinheiros com a forma em dia independente da situação.

Como fazer exercícios com TRX?

Antes de iniciar os exercícios com TRX, consulte um profissional especializado para que ele indique as atividades adequadas ao seu objetivo. Ele também vai apontar a intensidade recomendada para o treino.

Para usar o TRX, é necessário prender o equipamento numa estrutura fixa com espaço ao redor para os exercícios. Também ajuste o tamanho das fitas conforme à sua altura e o tipo de atividade física realizada.

Flexões, agachamentos e abdominais estão entre os exercícios mais praticados no TRX. No vídeo, você confere uma sugestão de treino a ser realizado nesse equipamento:

Outras atividades físicas podem ser combinadas com o TRX?

Exercícios no TRX são ideais para turbinar os treinos de outras modalidades esportivas. Na sequência, detalhamos algumas atividades que você pode acrescentar o treinamento em suspensão:

  • Funcional: Com o TRX, o treino funcional pode melhorar a força e o equilíbrio dos participantes em um único equipamento, sem exigir muito do corpo.
  • Pilates: O TRX deixa o pilates mais dinâmico, oferecendo um elemento de instabilidade que vai aprimorar o equilíbrio e a flexibilidade dos alunos.
  • Musculação: Já que o TRX foi idealizado para incentivar a alta performance dos usuários, ele traz inovação aos exercícios tradicionais das academias, resultando em benefícios principalmente para os músculos.

Qual a frequência adequada para usar o TRX?

Como o treinamento com TRX é intenso e completo, a recomendação é que a prática seja de três vezes semanais. Em média, uma sessão de 30 minutos no TRX consome entre 300 a 400 calorias.

Com essa frequência é possível notar melhorias na musculatura e flexibilidade a partir de 30 a 45 dias de prática. Quem tem alguma lesão deve definir a periodicidade junto ao médico para evitar a ocorrência de outros problemas.

Mulher fazendo exercício na fita de TRX

Consulte sempre um médico antes de praticar o TRX para evitar prejuízos à sua saúde. (Foto: gpointstudio/ Freepik)

Como instalar o TRX?

Alguns modelos de TRX são acompanhados de suportes para fixação do equipamento em locais como portas, barras, paredes ou até mesmo em árvores. Fique atento ao modo adequado de prender o aparelho com segurança.

Nas portas, o TRX deve ser instalado no sentido contrário ao da sua abertura para evitar acidentes. Ela deve ficar fechada para deixar o suporte preso no seu topo. Depois é só passar os mosquetões e regular as fitas.

Nos modelos presos em árvores ou barras, escolha um local de ancoragem horizontal. Ele precisa suportar seu peso e ser mais alto que você. Para fixação, passe a fita ao redor do lugar e prenda o mosquetão no próprio equipamento.

Por que usar o TRX?

O TRX é um treino muito versátil, composto por uma sequência diversa de exercícios, que podem ser praticados em diferentes lugares. Pessoas do nível iniciante ao profissional podem utilizá-lo e seus benefícios atingem o corpo todo.

Na tabela a seguir, observe as principais vantagens e desvantagens desse aparelho. Por ser um exercício de alta intensidade, é sempre importante conhecer esses fatores antes de iniciar a prática para evitar problemas posteriores:

Vantagens
  • Alto gasto calórico
  • É um treino rápido
  • É barato
  • Ideal para espaços pequenos
  • Oferece resultados eficientes
  • Pode complementar outros tipos de exercícios
  • Melhoria nas capacidades físicas
Desvantagens
  • Apresenta bastante instabilidade
  • Pode ser complicado para iniciantes
  • Não é ideal para treinar uma parte específica do corpo, pois exercita o organismo por completo

Quais cuidados devem ser tomados durante o uso do TRX?

Seu objetivo com o TRX só será alcançado se você tomar determinados cuidados para que a prática aconteça da melhor forma. Destacamos os mais relevantes para serem colocados em prática:

  • Use as garras apenas como suporte: Puxar os apoios com muita força sobrecarrega os ombros e não trabalha todos os músculos.
  • Verifique a situação do equipamento: A exposição ao sol ou à umidade danifica o TRX. Logo, antes de executar os exercícios veja se o aparelho está em condições seguras de uso.
  • Mantenha a postura alinhada: A ausência da postura adequada faz com que seu treino não seja efetivo e ainda gera outras lesões.

Critérios de compra: O que levar em conta ao comparar os modelos de TRX

A segurança deve sempre vir em primeiro lugar ao usar o TRX. Para isso, atente-se às características do aparelho na hora da compra, principalmente aos seguintes fatores:

Regulagem da fita

O TRX deve ter fitas reguláveis que sejam colocadas na extensão adequada aos usuários. Para dentro de casa, opte por modelos entre 1,5 a 2,5 metros de comprimento.

Em áreas externas, você vai precisar de TRXs maiores para serem fixados em locais altos. Alguns modelos possuem extensores que aumentam o aparelho para além de quatro metros.

Peso suportado

Esse elemento é fundamental para ter segurança no TRX. Prefira sempre modelos que suportam pesos maiores para evitar o risco de acidentes.

A maioria dos TRXs aguentam entre 200 a 500 kg. No uso individual, isso é suficiente. Porém, se a prática acontece em grupos, como nas academias, esse é um ponto que merece atenção.

Mulher usando TRX na academia

Certificar se o equipamento suporta seu peso é um dos passos fundamentais ao escolher um TRX. (Foto: Racool_studio/ Freepik)

Conforto

Você fará muito esforço no TRX, por isso sua experiência de manuseio deve ser bem confortável para não acarretar prejuízos ao corpo.

Verifique se as manoplas são revestidas para evitar dores durante a prática. Além disso, opte por aparelhos feitos em materiais resistentes e não escorregadios. O mais indicado é o TRX de nylon com suportes em aço.

Ambiente de uso

Os TRXs são populares pois podem ser usados em diferentes locais. Por isso, o local de fixação também  influenciará na escolha do modelo. Observe como avaliar o melhor aparelho segundo o ambiente de uso:

  • Ambientes externos: O ideal é que o objeto tenha uma fita extensora para prender o produto em locais altos, como árvores.
  • Ambientes internos:  As fitas reguláveis precisam ser mais curtas para se adequarem a espaços pequenos, como em apartamentos.

Resumo

Cada dia mais o TRX se torna popular por causa da praticidade e diversidade oferecida por esse tipo de treino. Seus benefícios se estendem ao corpo todo, aumentando a força e a resistência dos praticantes.

Contudo, ao conhecer essa prática física, não deixe de ter sua segurança como foco. O TRX é muito intenso, por isso executá-lo sem os cuidados devidos pode acarretar no aparecimento de lesões variadas.

(Fonte da imagem destacada: Marian Vejcik/123.rf)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas