Ultima atualização: 1 de outubro de 2021

Como escolhemos

40Produtos analisados

51Horas investidas

50Estudos avaliados

164Comentários coletados

Bem-vindo ao nosso grande teste de vitamina E 2022. Aqui nós apresentamos todos os suplementos de vitamina E que testamos em detalhes. Nós compilamos informações detalhadas e adicionamos um resumo das opiniões dos clientes na internet.

Nós gostaríamos de facilitar a sua decisão de compra e ajudá-lo a encontrar o melhor suplemento de vitamina E para você.

Você também pode encontrar respostas para as perguntas mais freqüentes em nosso guia. Se disponível, nós também oferecemos vídeos de teste interessantes. Além disso, você também encontrará algumas informações importantes nesta página que você definitivamente deve prestar atenção se você quiser comprar vitamina E.




O mais importante

  • A vitamina E tem muitas funções no corpo. A vitamina é um fator essencial em relação à cicatrização de feridas.
  • Uma deficiência de vitamina E pode ser prejudicial ao organismo, já que a vitamina tem a tarefa de neutralizar os radicais livres. Com seu efeito antioxidante, ele é considerado um fator importante no campo nutricional.
  • Uma deficiência de vitamina E é rara. No entanto, se isso ocorrer, ele se manifesta em pele seca e problemas graves de cicatrização de feridas, por exemplo.

Vitamina E: nossa recomendação dos melhores produtos

Guia: Perguntas que você deve se fazer antes de comprar vitamina E

O que é vitamina E?

Como uma vitamina lipossolúvel, a vitamina E é uma das vitaminas A, D e K. Ela se tornou bem conhecida por causa de seu alto teor de vitaminas. É mais conhecido pelo seu efeito positivo sobre a pele.

Durante muito tempo, a vitamina E foi referida como a "vitamina da juventude". Outro nome é tocoferol.

Como um componente importante nas células humanas, o corpo depende da vitamina E para o seu fornecimento. (Fonte de imagem: 213rf.com / 87324242)

Suas tarefas no corpo são muitas e variadas. Diz-se que a vitamina E tem principalmente um efeito antioxidante.

Isto significa que a vitamina é capaz de ligar os radicais livres a si mesma e reduzir significativamente o seu efeito. Desta forma, os danos severos às células podem ser reduzidos ou mesmo evitados.

A vitamina de proteção celular não pode ser produzida pelo corpo humano. Portanto, o corpo está dependente do fornecimento de vitamina E através da alimentação.

Normalmente, seu corpo recebe vitamina E suficiente através de uma dieta balanceada. Uma deficiência é rara, mas pode ocorrer.

Diz-se que sua função de ligar compostos de oxigênio agressivos ajuda a reduzir o envelhecimento da pele. Também se diz repetidamente que a vitamina E protege contra o câncer.

Apesar de uma deficiência ser muito rara na Alemanha, ela ainda pode ocorrer. Nesse caso, é necessário tomar a vitamina com suplementos alimentares.

Como a vitamina E afeta o corpo?

É sempre interessante saber que efeito os nutrientes realmente têm sobre o corpo.

Se você está pensando se você pode ser deficiente em vitamina E, você deve saber para que a vitamina é boa. As tarefas mais importantes são as seguintes:

Efeito antioxidante

Vitamina E é particularmente conhecida porque se diz que tem um efeito antioxidante. Ele liga os radicais livres e protege as células desta forma.

Reduzir a inflamação

A vitamina E também é importante para reduzir a inflamação no corpo. Os processos inflamatórios podem enfraquecer e danificar o corpo.

É, portanto, importante que ele receba apoio aqui. Isto pode ser na forma de vitamina E.

Memória

Vitamina E tem um efeito positivo na memória. Ele pode fortalecer a memória e melhorar o desempenho da memória.

Pele

Seu efeito sobre a pele também não deve ser subestimado. Ele hidrata a pele e pode ajudar a reduzir as rugas.

Além disso, o corpo é capaz de absorver a vitamina E através da pele. A vitamina lipossolúvel pode ser absorvida e armazenada através da pele. Portanto, ela é muito popular na produção de cosméticos.

Além disso, a vitamina E pode ser usada para várias outras queixas e doenças

  • Prevenção de doenças coronarianas (1, 2)
  • Doença de Alzheimer (3)
  • Câncer de próstata (4)
  • Redução da dor articular em doenças articulares (5)

Quanta vitamina E deve ser tomada diariamente?

Se você quer trabalhar com um suplemento alimentar, você deve saber exatamente qual é a necessidade diária de vitamina E do seu corpo.

A Sociedade Alemã de Nutrição (Deutsche Gesellschaft für Ernährung) recomenda uma dose diária de 11 a 15 mg por dia para jovens acima de 15 anos de idade. (6)

O quanto você realmente precisa depende da sua idade. Também é interessante saber se outros fatores desempenham um papel, tais como gravidez ou doença.

idade Dose diária recomendada de vitamina E em mg / dia
Desde o nascimento até 4 meses 3 (m / f)
De 4 meses a um ano 4 (m / f)
De um a quatro anos 6 (m), 5 (w)
De quatro a sete anos 8 (m / f)
De sete a dez anos 10 (m), 9 (w)
De dez anos a 13 anos 13 (m), 11 (w)
De 13 anos a 15 anos 14 (m), 12 (w)
De 15 anos até 25 anos 15 (m), 12 (f)
De 25 anos a 51 anos 14 (m), 12 (f)
De 51 anos a 65 anos 13 (m), 12 (w)
A partir de 65 anos 12 (m), 11 (w)

A tabela mostra que existem diferenças na ingestão diária recomendada para homens e mulheres. Para mulheres grávidas, a exigência também é de 13 mg/dia, para mulheres que amamentam 17 mg/dia.

Decisão: Que tipos de vitamina E existem e qual é o mais adequado para você?

Basicamente, nós podemos distinguir entre cinco tipos diferentes de vitamina E

  • Cápsulas
  • Petróleo
  • Tabletes
  • Cremes

O que distingue as cápsulas de vitamina E e quais são as vantagens e desvantagens?

A gama de cápsulas é particularmente ampla. Você pode tomar vitamina E muito bem com as cápsulas. As cápsulas oferecem uma dosagem fácil. Você também pode optar por tomar um depósito.

Com um depósito, você só tem que tomar as cápsulas a cada poucos dias. As cápsulas são muito fáceis de tomar. Eles são levados com água suficiente.

Vantagens
  • Dosagem muito boa possível
  • Fácil de tomar
  • Depósito oferecido
  • Dosagens diferentes disponíveis
Desvantagens
  • Não adequado para crianças
  • Nem todos podem engolir bem as cápsulas

O que distingue o óleo de vitamina E e quais são as vantagens e desvantagens?

A vitamina E é uma vitamina lipossolúvel, e é por isso que ela é frequentemente oferecida como um suplemento alimentar na forma de óleo.

A vantagem disto é que você pode tomar a vitamina E muito bem desta maneira. Entretanto, a dosagem às vezes pode ser um pouco difícil.

Vantagens
  • Dosagens diferentes possíveis
  • Fácil de tomar
  • Muito boa absorção pelo corpo
Desvantagens
  • A dosagem pode ser difícil

O que distingue os comprimidos de vitamina E e quais são as vantagens e desvantagens?

Há pouca diferença entre cápsulas e comprimidos. Você também pode escolher entre diferentes dosagens.

Às vezes os comprimidos são suplementados com outros nutrientes. Depósitos também estão disponíveis aqui.

Vantagens
  • Dosagem simples e exata
  • Muito fácil de usar
  • Em parte também disponível como comprimidos mastigáveis
Desvantagens
  • Somente adequado para adolescentes e adultos
  • Nem todos podem engolir facilmente os comprimidos

Quais são as vantagens e desvantagens da vitamina E em pó?

Pode ser interessante tomar vitamina E sob a forma de pó. O pó pode ser misturado muito bem com sua comida ou adicionado a bebidas.

Portanto, ele pode ser usado de forma ideal para crianças. Entretanto, a dosagem às vezes pode ser um pouco mais difícil.

Vantagens
  • Fácil de usar
  • Pode ser misturado muito bem
  • Sem sabor
  • Bom para crianças
Desvantagens
  • A dosagem pode ser um pouco difícil

O que distingue o creme de vitamina E e quais são as vantagens e desvantagens?

Vitamina E também pode ser usada externamente. O corpo é capaz de absorver a vitamina através da córnea.

Esta é a razão pela qual a vitamina E também é freqüentemente usada em cremes. Cremes com vitamina E estão disponíveis tanto para o rosto quanto para o corpo.

Vantagens
  • Especialmente adequado para pele seca
  • Muito bom manuseio
  • Proporciona umidade à pele
Desvantagens
  • Dificilmente uma boa dosagem é possível

Critérios de compra: Estes são os fatores que você pode usar para comparar e avaliar a vitamina E

A seguir, gostaríamos de lhe mostrar os fatores que você pode usar para comparar e avaliar a vitamina E.

Isto tornará mais fácil para você decidir se uma determinada vitamina E é adequada para você ou não.

Em resumo, estes são:

  • Aplicação
  • Dosagem
  • Ingredientes

Se você tem uma deficiência de vitamina E ou se você gostaria de fornecer a vitamina ao seu corpo, você pode considerar os seguintes critérios ao procurar um produto adequado para facilitar a sua decisão.

Aplicação

Quando se trata da aplicação de vitamina E, a questão principal é se ela deve ser usada externa ou internamente.

Normalmente, a vitamina E é oferecida para ingestão e fornecida sob a forma de cápsulas, óleo ou até mesmo comprimidos. Entretanto, também é possível suprir o corpo com vitamina E através de cremes.

Qual aplicação é adequada para você depende do que você gostaria de alcançar com a vitamina E. Quando usado externamente, ele funciona principalmente no exterior.

Aqui ele pode ajudar a curar danos à pele e ajudar a regenerar a pele. Curiosamente, quando usada externamente, a vitamina E também pode ajudar a aliviar queimaduras ou cicatrizes de desbotamento.

Se você quiser combater os sintomas de deficiência e garantir que seu corpo permaneça saudável e em forma com vitamina E, você deve decidir tomá-la.

Dosagem

Quando se trata de vitamina E, você pode escolher entre doses mais baixas e mais altas. Especialmente produtos de alta dosagem que são oferecidos como depósito são menos recomendados.

Isto se deve ao fato de que uma dosagem muito alta pode levar a um início mais rápido dos sintomas.

É melhor calcular suas necessidades - você também pode consultar seu médico aqui - e escolher produtos com os quais você possa cobrir suas necessidades diárias.

Você pode usar pós assim como cápsulas ou comprimidos.

Suplementos alimentares não devem ser tomados sem mais nem menos. É importante que você cuide do seu corpo e também verifique se existe uma deficiência. (Fonte da imagem: 123rf.com / 47682461)

Ingredientes

Quando se trata de ingredientes, você pode estar interessado em saber se eles são de origem vegetal ou animal. Existem produtos que são puramente vegetarianos. Cápsulas veganas também estão disponíveis.

Para descobrir o quão bem a vitamina E pode ser usada, você deve olhar se ela tem uma origem natural ou sintética.

A biodisponibilidade da vitamina E natural é significativamente maior. Além disso, a vitamina E é uma substância lipossolúvel.

Uma olhada nos ingredientes lhe mostrará se o suplemento alimentar contém óleo. Se isso acontecer, você pode absorver melhor a vitamina.

Existem suplementos alimentares com vitamina E que são enriquecidos com nutrientes adicionais. Se você quiser tomar outros nutrientes, você pode verificar se existem suplementos de combinação.

Como uma deficiência de vitamina E se manifesta?

Os suplementos são normalmente recomendados quando há uma deficiência ou para prevenir uma deficiência. Na verdade, a deficiência de vitamina E é bastante rara.

Um possível gatilho é uma dieta desequilibrada. Se, por exemplo, você não comer muita gordura, você pode desenvolver uma deficiência. As doenças também podem desencadear uma deficiência.

Se você sofre de problemas com o pâncreas, pode valer a pena dar uma olhada no suprimento de vitamina E do corpo.

Uma deficiência pode se manifestar de diferentes maneiras. Sinais típicos são:

  • Queda de cabelo
  • Pele seca
  • Dificuldade na cicatrização de feridas
  • Sentimentos de estresse
  • Fadiga
  • Pele rachada

Como uma overdose de vitamina E se faz sentir?

As pessoas frequentemente falam apenas de uma deficiência. Mas uma overdose de vitaminas também é possível. Portanto, é ainda mais importante que você conheça os sinais de uma overdose.

Especialmente quando você está trabalhando com suplementos alimentares, isto pode ocorrer. É recomendado começar com uma dosagem pequena para prevenir overdose.

Mas o que acontece se o seu corpo ingerir muita vitamina E? Se for apenas por um pequeno período de tempo, geralmente ainda não há sintomas.

Entretanto, se a overdose for prolongada, seu corpo pode mostrar sinais claros e também pode estar em risco:

perigos efeito
risco de sangramento Se você sofre de distúrbios de coagulação ou pode estar tomando medicamentos que afetam a coagulação do sangue, uma overdose de vitamina E pode ter consequências graves. Isso pode aumentar sua tendência a sangrar. Converse com seu médico antes de tomar vitamina E para evitar algo assim.
Doenças cardiovasculares Estudos demonstraram que o aumento das doses de vitamina E pode ser perigoso para pacientes com doenças crônicas do sistema cardiovascular., O aumento da ingestão de vitamina E pode representar um risco para a saúde do seu coração.
risco de acidente vascular cerebral O risco de acidente vascular cerebral pode aumentar se você tomar muita vitamina E., Estudos mostraram que uma ingestão de vitamina E a longo prazo acima de 400 mg por dia pode aumentar o risco de acidente vascular cerebral.

Posso tomar vitamina E com a comida?

Com uma dieta balanceada, a deficiência de vitamina E é rara. Isto é porque você está fornecendo a vitamina ao seu corpo através da comida.

Os óleos vegetais, por exemplo, são particularmente ricos em vitamina E. Você pode facilmente adicioná-los à sua dieta. Você pode facilmente integrá-los à sua dieta.

Isto torna possível a sua utilização no preparo de saladas ou outros pratos. A porca também é altamente recomendada.

Se você sentir fome entre as refeições, você pode alcançar avelãs ou amêndoas e nozes. Você também pode fazer você mesmo um ovo. Os ovos também contêm muita vitamina E.

Por que a vitamina E é tão boa para a pele?

Diz-se que a vitamina E tem um efeito especial sobre a pele. Se você fizer uma pequena pesquisa, você logo descobrirá que a vitamina E está contida em alguns produtos cosméticos.

Muitos desses produtos são rotulados como tendo um efeito anti-idade. A vitamina E é capaz de hidratar a sua pele.

A pele seca hoje pode ser causada por uma série de coisas. Não apenas uma ingestão insuficiente de fluidos é um possível gatilho. O estresse também pode atacar sua pele.

Fica difícil quando você não recebe vitaminas e nutrientes suficientes. É por isso que a vitamina E pode ser uma grande ajuda. A vitamina é capaz de suportar a formação de novas células.

Também hidrata a pele e a ajuda a reter a umidade. Isso faz seu rosto parecer mais fresco e sua pele pode se regenerar melhor.

Se você não quiser usar um creme com vitamina E todos os dias, você também pode usar uma máscara em intervalos regulares.

A vitamina E não é adequada apenas para o seu rosto. Você também pode esfregar um creme rico em vitamina E em seu corpo.

As manchas secas são encontradas principalmente nos cotovelos, mas também nos joelhos. Cuidando de si mesmo com vitamina E, as manchas secas podem desaparecer novamente.

Fonte dasfotos: 123rf.com / 43078192

Referências (6)

1. Eric B. Rimm, Meir J. Stampfer, Alberto Ascherio et al. Vitamin E Consumption and the Risk of Coronary Heart Disease in Men. N Engl J Med 1993; 328:1450-1456
Fonte

2. K G Losonczy, T B Harris, R J Havlik. Vitamin E and vitamin C supplement use and risk of all-cause and coronary heart disease mortality in older persons: the Established Populations for Epidemiologic Studies of the Elderly. The American Journal of Clinical Nutrition. August 1996; Volume 64, Issue 2, Pages 190–196.
Fonte

3. Calvin H. Hirsch. Selegiline or α-tocopherol slowed the progression of Alzheimer disease. N Engl J Med. 1997 Apr 24;336:1216-22.
Fonte

4. June M. Chan, Edward L. Giovannucci. Vegetables, Fruits, Associated Micronutrients, and Risk of Prostate Cancer. Epidemiologic Reviews. 2001; Vol. 23, No. 1.
Fonte

5. Saowanee Kajanachumpol, Monchand Vanichapuntu, Oravan Verasertniyom et al. LEVELS OF PLASMA LIPID PEROXIDE PRODUCTS AND ANTIOXIDANT STATUS IN RHEUMATOID ARTHRITIS. 2000; Vol 31, No. 2.
Fonte

6. Deutsche Gesellschaft für Ernährung e.V. Vitamin E (Tocopherole). 2020.
Fonte

Por que você pode confiar em mim?

Wissenschaftliche Studie
Eric B. Rimm, Meir J. Stampfer, Alberto Ascherio et al. Vitamin E Consumption and the Risk of Coronary Heart Disease in Men. N Engl J Med 1993; 328:1450-1456
Ir para a fonte
Wissenschaftliche Studie
K G Losonczy, T B Harris, R J Havlik. Vitamin E and vitamin C supplement use and risk of all-cause and coronary heart disease mortality in older persons: the Established Populations for Epidemiologic Studies of the Elderly. The American Journal of Clinical Nutrition. August 1996; Volume 64, Issue 2, Pages 190–196.
Ir para a fonte
Wissenschaftliche Studie
Calvin H. Hirsch. Selegiline or α-tocopherol slowed the progression of Alzheimer disease. N Engl J Med. 1997 Apr 24;336:1216-22.
Ir para a fonte
Wissenschaftliche Studie
June M. Chan, Edward L. Giovannucci. Vegetables, Fruits, Associated Micronutrients, and Risk of Prostate Cancer. Epidemiologic Reviews. 2001; Vol. 23, No. 1.
Ir para a fonte
Wissenschaftliche Studie
Saowanee Kajanachumpol, Monchand Vanichapuntu, Oravan Verasertniyom et al. LEVELS OF PLASMA LIPID PEROXIDE PRODUCTS AND ANTIOXIDANT STATUS IN RHEUMATOID ARTHRITIS. 2000; Vol 31, No. 2.
Ir para a fonte
Wissenschaftlicher Artikel
Deutsche Gesellschaft für Ernährung e.V. Vitamin E (Tocopherole). 2020.
Ir para a fonte
Resenhas