Imagem de comprimidos de vitaminas B.

Possivelmente já aconteceu de você estar se sentindo cansado, irritado e com dificuldades para se concentrar. Essa sensação de mal-estar, que muitas vezes é difícil de ser atribuída a algo em especial, pode acabar se tornando algo extremamente desagradável e chegar até mesmo a interferir em sua vida diária, no trabalho ou estudos. Isso não quer dizer que esteja doente, mas que, definitivamente, “te falte algo”, como as vitaminas B.

Já passou alguma vez pela sua cabeça que você pode apenas estar sofrendo com a falta dessas vitaminas? Esse complexo vitamínico regula um grande número de reações químicas no organismo e sua carência pode afetar negativamente o seu corpo, em geral. Essa temática sobre vitaminas B será ainda mais detalhada nesse artigo e serão dadas ferramentas para que você volte por conta própria a viver dias melhores.

O mais importante

  • Não existe uma única vitamina B, mas sim diferentes moléculas que se combinam para formar o grupo vitamínico B ou complexo vitamínico B.
  • Essas vitaminas regulam os processos relacionados com a produção de energia, a criação de novas células, a manutenção da função nervosa, entre outras coisas mais.
  • Embora o consumo de doses elevadas dessa vitamina não produza efeitos secundários a curto prazo, é recomendado escolher suplementos que não superam a quantidade diária necessária para fazer uso delas.

Melhores suplementos de vitaminas B: Nossas recomendações

Depois de estudar os suplementos de vitaminas B disponíveis no mercado atual, para constituir essa lista, foram escolhidos os melhores produtos para serem apresentados. Essas escolhas não foram limitadas a apenas aqueles artigos que contêm um maior conteúdo de vitaminas; também foi levado em consideração o equilíbrio nutricional de cada produto e a satisfação de seus consumidores.

A opção com o melhor custo-benefício

Esse frasco de suplemento de vitaminas B da Nutraway é uma das opções com o melhor custo-benefício do mercado. Nele estão contidas as oito principais vitaminas do complexo vitamínico, garantindo 100% da Ingestão Diária Recomendada.

Além disso, a fórmula possui 120 cápsulas, prometendo um uso de pelo menos 4 meses por um preço que cabe na maioria dos bolsos. Suas cápsulas também são livres de glúten, lactose e açúcar livre.

Suplemento sem nutriente animal

A Now Foods é uma das principais fabricantes do mercado e também uma das mais inclusivas. Esse seu produto, por exemplo, não utiliza nenhum tipo de nutriente animal, nem no complexo vitamínico e nem na fórmula da cápsula, sendo ideal para suplementar também pessoas veganas e vegetarianas.

O frasco possui 100 cápsulas que garantem 100% da IDR, contrabalanceando o seu valor um pouco mais caro com uma ótima qualidade de fabricação e durabilidade do uso.

Suplemento ideal para os esportistas

Esse suplemento de Vitaminas B da VitaminLife faz uso principalmente das vitaminas B1, B2, B6 e B12, podendo ser usado por qualquer pessoa, mas é voltando idealmente para aqueles esportistas e amantes das atividades físicas que desejam melhorar suas performances.

O produto leva consigo 90 cápsulas que também garantem 100% da Ingestão Diária Recomendada. O melhor? É um dos preços mais camaradas do mercado.

Uma opção em cápsulas gelatinosas

Esse complexo vitamínico da Pharmaton é um tipo de suplemento muito completo, levando em sua fórmula outros nutrientes, como minerais e vitaminas presentes no óleo de peixe, além do complexo B.

Utilizando cápsulas gelatinosas moles, com um colorido artificial e sabor baunilha, a fabricante também aposta na boa e divertida relação que o cliente deve ter com o produto para seguir uma rotina de suplementação.

Vitaminas B para quem quer economizar

Se você é uma pessoa que deseja começar a suplementar, mas ainda tem algum tipo de dúvida quanto a funcionalidade disso tudo, esse produto da Natusvita é o ideal. Bastante econômico, possui 60 cápsulas, garantindo uma nutrição por pelo menos 2 meses de experimentação.

Suas cápsulas fazem uso principalmente das vitaminas B1, B2 e B5, prometendo um ótimo auxílio no ganho de energia do dia a dia e melhoria do ânimo.

Guia de Compras: O que você deve saber sobre as vitaminas B

As vitaminas B são moléculas essenciais para o bom funcionamento do organismo. Assim, as vitaminas B1, B2, B3 e B7 favorecem a produção de energia, já a vitamina B6 intervém no metabolismo proteico e as vitaminas B9 e B12 são imprescindíveis para a multiplicação e divisão celular.

Imagem de pessoa segurando comprimidos.

As vitaminas B ajudam a ter um melhor bem-estar. (Fonte: Puhhha: 69595913 / 123rf.com)

O que são as vitaminas B?

As vitaminas são substâncias com uma importância inigualável para a homeostase, ou seja, para o equilíbrio vital do organismo. Essas pequenas moléculas não podem ser reconstruídas pelo corpo a partir de outros elementos mais simples, devendo ser consumidas diariamente para manter seus níveis estáveis.

Quando as vitaminas B foram descobertas pela primeira vez, os cientistas acreditavam que ela era uma única molécula. Mas, estudos posteriores confirmaram a existência de numerosos tipos diferentes de vitaminas, que começaram a ser distinguidas por números. Sua classificação já chegou a incluir mais de 20 moléculas diferentes.

Hoje em dia, o grupo das vitaminas B se limita a oito nutrientes essenciais: tiamina (B1), riboflavina (B2), niacina (B3), ácido pantoténico (B5), piridoxina (B6), biotina (B7), ácido fólico (B9), cobalamina ou cianocobalamina (B12). Na tabela a seguir você poderá encontrar um pequeno resumo das principais funções desse grupo:

Vitamina Funções mais relevantes
Tiamina (B1) Metabolismo do oxigênio

Metabolismo de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Produção de energia

Transmissão de impulsos nervosos

Riboflavina (B2) Metabolismo do oxigênio

Metabolismo de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Metabolismo de outras vitaminas

Produção de energia

Desintoxicação de produtos prejudiciais

(Possível) função antioxidante

Niacina (B3) Metabolismo de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Produção de energia

Síntese hormonal

Crescimento e desenvolvimento

Transmissão de impulsos nervosos

Diminuição da pressão arterial

Manutenção da integridade cutânea

Ácido pantoténico (B5) Metabolismo do oxigênio

Metabolismo de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Síntese de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Transmissão de impulsos nervosos

Piridoxina (B6) Metabolismo de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Produção de energia

Síntese de proteínas

Crescimento e conservação de células

Biotina (B7) Metabolismo do oxigênio

Metabolismo de hidratos de carbono, gorduras e proteínas

Replicação e divisão celular

Manutenção dos níveis de açúcar no sangue

Ácido fólico (B9) Criação e manutenção de novas células

Replicação do DNA

Desenvolvimento fetal

Metabolismo de outras vitaminas (principalmente B12)

Cobalamina ou cianocobalamina (B12) Criação e manutenção de novas células

Desenvolvimento e proteção do sistema nervoso

Síntese de glóbulos vermelhos

Manutenção da integridade intestinal

Quais benefícios causados pelas vitaminas B?

As vitaminas B (melhor conhecidas como “vitaminas do grupo B” ou “vitaminas do complexo B”) atuam como cofatores enzimáticos, ou seja, como elementos indispensáveis para a produção de reações químicas que controlam o metabolismo dos nutrientes, a criação de novas células e incluindo o controle de impulsos nervosos.

Embora seja possível estudar cada um desses nutrientes essenciais separadamente, o certo é que as ações mais relevantes dessas vitaminas são uma consequência da combinação equilibrada das oito moléculas do complexo B. Na seguinte lista serão apresentados os principais processos dependentes das vitaminas do grupo B:

  • Produção de energia
  • Criação de novas células
  • Proteção da integridade celular, especialmente de células de rápida replicação (pele, pelo e unhas)
  • Manutenção da visão normal
  • Regulação da digestão
  • Controle do apetite
  • Manutenção da função cerebral normal
  • Regulação da função nervosa
  • Produção de hormônios
  • Crescimento muscular
  • Aumento da fertilidade
  • Proteção do feto e da mãe durante a gestação
  • Redução do surgimento de má formação fetal
  • Possível aumento da produção de testosterona (em homens)

Quais as consequências causadas pela carência de vitaminas B?

Já que as vitaminas do grupo B regulam uma infinidade de reações químicas no corpo, alguns níveis insuficientes das mesmas também provocarão um desequilíbrio geral do metabolismo, podendo ser ainda mais grave a medida que a hipovitaminose for se tornando mais intensa. Alguns indivíduos ou grupos, como os presentes na seguinte lista, são mais propensos do que outros a sofrer com a carência do complexo vitamínico B:

  • Mulheres grávidas ou no período de amamentação: As gestantes têm suas demandas nutricionais aumentadas para suprir o desenvolvimento do bebê em sua barriga. Concretamente, o ácido fólico (vitamina B9) é necessário em grandes quantidades para permitir o correto desenvolvimento neurológico do feto.
  • Adultos idosos: Já se sabe que as pessoas acima de 60 anos são mais suscetíveis a sofrer todo tipo de carência nutricional. A capacidade desses idosos para absorver as vitaminas diminui bastante, e com ela aumenta a probabilidade de sofrer com a hipovitaminose.
  • Pessoas com doenças que afetam a absorção intestinal: A doença de Crohn, a doença celíaca e a infecção por HIV são patologias que afetam a absorção nutricional em maior ou menor medida, elevando o risco de sofrer uma carência de vitaminas do grupo B.
  • Pessoas com problemas de alcoolismo: O álcool afeta negativamente a absorção, o armazenamento e a ativação das vitaminas do grupo B (especialmente B1, B6 e B9). Os indivíduos que consomem álcool com muita frequência se arriscam a sofrer uma hipovitaminose do complexo B.
  • Veganos e vegetarianos: Uma dieta equilibrada vegana ou vegetariana será capaz de consumir sete das oito vitaminas do complexo B. A vitamina B12, entretanto, é uma que se encontra quase que exclusivamente em produtos de origem animal e, portanto, deve ser suplementada em uma dieta à base de plantas para evitar sua insuficiência.
  • Pessoas com estilos de vida atarefados: Estudos já provaram que o estresse crônico reduz drasticamente os níveis de vitamina B6, aumentando, consequentemente, o risco de que essas pessoas sofram com carência nutricional.
  • Fumantes: É comprovado que é comum encontrar níveis mais baixos de ácido fólico e vitamina B12 entre os viciados no tabaco, aumentando assim as possibilidades de sofrerem com a insuficiência dessa vitamina do grupo B.
Imagem de pessoa com lábios rachados.

Os lábios rachados podem ser consequências de uma carência de vitaminas B. (Fonte: Noojuntuk: 87394739 / 123rf.com)

A carência dessas vitaminas se manifestam, nos estágios iniciais, em forma de fadiga e debilidade. Posteriormente, aparecem sintomas mais desconfortáveis, como: pele seca, rachaduras nos lábios e cantos da boca, desconforto digestivo e constipação. Se essa hipovitaminose não for resolvida, o quadro pode se agravar e podem surgir problemas ainda mais sérios.

  • Envelhecimento precoce (aparecimento de cabelos grisalhos antes dos trinta anos)
  • Língua rocha e inflamada
  • Diarreia
  • Confusão mental
  • Transtornos de ânimo
  • Dormência nos dedos dos pés e mãos
  • Anemia
  • Infecções frequentes
  • Perda de memória
  • Piora da visão
  • Alterações no desenvolvimento do feto (em grávidas)
  • Aumento da incidência de câncer (especialmente os de colo e mama)

Quais alimentos são ricos em vitaminas B?

Ter uma dieta equilibrada contribui para a manutenção de níveis saudáveis de vitaminas B (a exceção da vitamina B12 para aqueles que fazem uso da dieta vegana). Em linhas gerais, os alimentos frescos e pouco processados (os integrais, preferivelmente) são grandes fontes de vitaminas B. Na tabela a seguir você encontrará as principais fontes desses nutrientes:

Vitamina Ingestão Diária Recomendada Fontes alimentares
Tiamina (B1) 1,2 mg Carne de porco, cereais integrais, sementes de girassol, nozes, ovos
Riboflavina (B2) 1,3 mg Peixes, carne vermelha, carne branca, ovos, abacate, cereais integrais
Niacina (B3) 14 mg Fígado de vitela, carne de frango, atum, amendoim, abacate, cereais integrais
Ácido pantoténico (B5) 5 mg Marisco, carne de porco, carne de frango, ovos, laticínios e legumes
Piridoxina (B6) 1,3 mg Grão-de-bico, fígado de vitela, atum, salmão, frango, bananeiras
Biotina (B7) 0,03 mg (30 microgramas) Carne vermelha, abacate, ovos, frutas secas, salmão, laticínios
Ácido fólico (B9) 0,4 mg (400 microgramas) Vegetais de folhas verdes, legumes, ovos, aspargos, cítricos
Cobalamina ou cianocobalamina (B12) 0, 0024 mg (2,4 microgramas) Embutidos, marisco, sardinha, carne vermelha, atum, levedura nutricional

Tenha sempre em mente a Ingestão Diária Recomendada (IDR) que essa tabela possui, lembrando que ela faz referências às necessidades de um adulto padrão. No caso das crianças, de mulheres grávidas ou daquelas pessoas que sofrem com algum tipo de doença crônica, essas recomendações podem variar. Um especialista em nutrição pode definir a quantidade indicada para cada um desses casos especiais.

Como a suplementação de vitaminas B atua para lhe beneficiar?

Se você, por algum motivo, não consegue obter todos os nutrientes que necessita através da dieta, uma suplementação que contenha as oito vitaminas B pode se tornar uma boa opção, permitindo que cumpra com suas necessidades nutricionais. Se você pertence a algum dos seguintes grupos, um complemento nutricional de vitaminas B te garantirá numerosos benefícios:

  • Pessoas que desejam envelhecer de forma saudável: Se você está estudando o efeito que as vitaminas B6, B9 e B12 têm na prevenção contra o deterioramento cognitivo nos adultos. Além disso, possuir níveis adequados de vitaminas B está relacionado com a diminuição da probabilidade de sofrer problemas cardiovasculares quando chegar na velhice.
  • Pessoas que desejam melhorar o aspecto da pele, unhas e cabelo: Alguns especialistas garantem que o consumo de vitaminas B é mais efetivo que os cosméticos quando se trata de melhorar a aparência da pele, reduzir a fragilidade das unhas e favorecer o crescimento do cabelo.
  • Trabalhadores submetidos ao estresse: Alguns estudos demonstram que os indivíduos que consomem suplementos vitamínicos do grupo B suportam melhor o estresse crônico causado pelo trabalho.
  • Estudantes: Cultivar os níveis adequados de vitaminas B podem aliviar o estresse dos estudantes (especialmente no período de provas ou para mestrandos ou doutorandos), evitando a fadiga mental e mantendo a capacidade cognitiva dentro dos níveis normais.
  • Esportistas: As vitaminas do grupo B são imprescindíveis para o metabolismo energético e muscular. Um complemento que contenha as vitaminas B6, B9 e B12 pode ajudar a melhorar o rendimento esportivo daqueles apaixonados por atividades físicas.
  • Pessoas que seguem dietas de emagrecimento: Muitas vezes, as dietas feitas com o objetivo de perder peso restringem a ingestão calórica de forma intensa. Assim, incorporar uma suplementação de vitaminas B em sua rotina certamente garantirá um aporte adequado dessas moléculas que, além de tudo, são imprescindíveis para manter o metabolismo ativo.
  • Veganos e vegetarianos: Os veganos (e em menor medida, os vegetarianos) necessitam adicionar um suplemento de vitamina B12 a suas dietas, caso contrário podem apresentar hipovitaminose. A maioria dos complementos de vitaminas B contêm cobalamina, se tornando uma fantástica adição à dieta vegana.
  • Pessoas que desejam contrabalancear os efeitos nocivos do álcool e tabaco: Abandonar o tabaco e limitar o consumo de álcool melhorará seu estado de saúde de forma drástica. A suplementação de vitamina B contribuirá para reduzir os efeitos oxidantes causados por anos de consumo e vício em cigarros ou álcool.
  • Pessoas que sofrem de cansaço mental, apatia ou irritabilidade: Apesar dessas vitaminas não serem substitutas das medicações específicas para certas condições psiquiátricas, tem se mostrado que o complexo B pode aliviar a sensação de fadiga mental e melhorar o ânimo de algumas pessoas.

Embora as mulheres grávidas se beneficiem muito de um complemento vitamínico que possui as vitaminas B9 e B12, existem suplementos pré e pós-natais específicos para a gestação e período de amamentação. Se você estiver pensando em se tornar mãe, é aconselhável que converse com sua parteira, doula, nutricionista ou médica, pois, certamente elas lhe recomendarão um produto mais adequado e específico para suas necessidades e as do futuro bebê.

Definitivamente, as vitaminas B te ajudarão a possuir um estado geral de bem-estar. Você pode utilizar esse complemento alimentício de forma esporádica, para conseguir lidar com períodos de estresse, como semanas de provas ou projetos de trabalho, ou pode até mesmo tomá-los durante um grande período de tempo para melhorar seu aspecto físico e diminuir os efeitos do envelhecimento.

Imagem de pote com salada.

Uma dieta equilibrada te ajudará a manter melhores os níveis do complexo de vitaminas B. (Fonte: Subbotina: 21976952 / 123rf.com)

Quais tipos de suplementos de vitaminas B existem?

A maioria dos suplementos de vitaminas B possuem as oito vitaminas mais importantes desse complexo. Entretanto, você pode encontrar produtos direcionados a satisfazer as demandas específicas de um grupo determinado de indivíduos. Na lista a seguir você poderá encontrar as combinações de suplementos de vitaminas B mais comumente encontradas no mercado:

  • Vitaminas B para mulheres acima de 40 anos: Esses complexos vitamínicos possuem quantidades elevadas de ácido fólico e biotina, elementos muito benéficos para a pele, cabelo e unhas das mulheres maduras.
  • Vitaminas B para esportistas: Esses suplementos são capazes de fornecer 100% da IDR de vitamina B6, juntamente com as outras moléculas que compõe o grupo. Além disso, esses produtos geralmente contêm mais outros compostos que também favorecem o rendimento esportivo, como o magnésio L-carnitina.
  • Vitaminas B para a manutenção da função intelectual: Nesse tipo de produto, as vitaminas B6, B9 e B12 são combinadas para suprir as carências nutricionais que podem surgir durante períodos que precisam de esforços adicionais (provas, projetos, substituições ou turnos prolongados de trabalho).
  • Vitaminas B para veganos e vegetarianos: Esses suplementos garantem a IDR de vitamina B12 para que sejam evitados os perigosos efeitos provocados pela carência desses compostos vitamínicos nas dietas à base de plantas (principalmente: anemia, desordens neurológicas, fadiga e alterações intestinais).
  • Vitaminas B para a perda de peso: Normalmente, esses complexos vitamínicos garantem a totalidade da IDR para todas as vitaminas do grupo B. Esses suplementos contribuem para manter o equilíbrio metabólico e ajudam a controlar o apetite, pois, evitam o surgimento de deficiências nutricionais.

Entretanto, aqueles que estão iniciando na suplementação com vitaminas B podem escolher um produto “padrão” que ofereça todos os nutrientes essenciais desse complexo. Dessa forma, você poderá obter pelo menos um tipo de benefício de cada um desses aspectos relacionados com as vitaminas B (âmbito esportivo, intelectual, estético ou imunológico).

Como utilizar o suplemento de vitaminas B?

Para sua sorte, os suplementos do complexo vitamínico B são um dos mais simples e cômodos a se utilizar. Você deve apenas seguir as instruções do fabricante para conseguir aproveitar o máximo do complemento nutricional. Se você mesmo assim ainda tiver alguma dúvida, consulte a lista a seguir e veja as respostas fornecidas para as perguntas mais frequentes que aparecem sobre as vitaminas B.

  • Qual a dosagem? É aconselhado que você escolha um suplemento que garanta 100% da ingestão diária recomendada das oito vitaminas mais importantes do complexo B. Normalmente, isso equivale a uma única dose de suplemento a ser tomado uma vez ao dia.
  • A que horas deve ser a ingestão? A absorção do suplemento não será afetada mediante a hora do dia que resolver tomá-lo. Porém, alguns nutricionistas aconselham fazer a suplementação pela manhã para aproveitar o potente efeito proporcionado pela energia de algumas dessas vitaminas.
  • Acompanhado ou não de alimentos? As vitaminas do grupo B são moléculas hidrossolúveis (que se encontram dissolvidas na água dos alimentos). Portanto, sua capacidade de absorção é elevada e pode ser ingerida em jejum ou acompanhada de alimentos, sem mudar praticamente nada sua efetividade.
  • Como conservar o suplemento? Normalmente, basta guardar o produto em um lugar fresco e seco, mantendo o frasco corretamente fechado e evitando a exposição a luz direta do sol. Alguns produtos mais especiais (como as vitaminas B líquidas) podem necessitar de refrigeração.

Lembre-se que esse produto possui sua própria data de validade (como qualquer outro complemento nutricional). Usar um suplemento de vitaminas B estragado não lhe fará mal, mas a efetividade da substância será afetada. Se você ficar utilizando esse produto após a data de validade, não irá sofrer nenhum tipo de efeito secundário, porém, também não observará nenhum tipo de benefício.

Isabel Varela NietoDoutora em Ciências Químicas pela UCM

“A falta de vitamina B acelera a perda da audição.”

Quais precauções você deve tomar durante a suplementação com vitaminas B?

Os suplementos de vitaminas B são considerados uma opção segura para o consumo público, em geral. Por essas moléculas serem hidrossolúveis, seu possível excesso será eliminado de forma natural pela urina. Embora o corpo armazene pequenas quantidades de alguns compostos (como a B12), é quase impossível que ocorram complicações causadas pela sua acumulação em excesso.

Entretanto, um estudo realizado em homens saudáveis demonstrou que a suplementação em doses excessivas de vitaminas do complexo B (cerca de 1000% acima da IDR ou mais) pode aumentar a probabilidade do indivíduo sofrer com algum tipo de câncer. Isso não ocorre com as vitaminas B que se obtém a partir do consumo de alimentos ou fazendo a suplementação moderada.

Imagem de mulher correndo em dia ensolarado.

As vitaminas B6, B9 e B12 podem melhorar o rendimento esportivo dos apaixonados por atividades físicas. (Fonte: Ammentorp: 41851548 / 123rf.com)

Além disso, as doses excessivas de vitaminas do complexo B podem causar transtornos digestivos (principalmente, queimação no estômago e náuseas). Portanto, é recomendável que escolha um suplemento que garanta 100% da sua IDR, sem exceder esse limite. Afinal, tomar doses elevadas dessa vitamina não supõe um benefício adicional e nem provocará uma melhor absorção do suplemento ou mesmo que ele atue mais rapidamente.

Quanto custam as vitaminas B?

O preço desses complementos alimentares de vitaminas do grupo B é bastante acessível. A maioria dos produtos são vendidos por um preço que varia entre R$ 25 e R$ 50, permitindo ser considerada uma forma de suplementação muito econômica e útil durante meses. Portanto, as diferenças de preços entre os diversos produtos dependem principalmente do prestígio do fabricante.

Porém, os suplementos de vitaminas B que possuem elementos adicionais, como moléculas de L-carnitina, extratos de plantas como Gingko Biloba ou nutrientes como a levedura da cerveja, talvez cobrem um preço mais elevado quando comparados com os outros produtos comuns, pois, oferecem vantagens adicionais que dependem de cada composto específico.

Critérios de Compra

Nessa seção, você aprenderá a diferenciar os suplementos de vitaminas B de boa qualidade, de outros artigos menos recomendáveis. Esses complementos nutricionais são encontrados entre os mais vendidos e é conveniente que você tenha o conhecimento necessário para escolher o produto que mais se adapta às suas necessidades.

  • Interações medicamentosas
  • Alérgenos
  • Nutrição vegana ou vegetariana
  • Metilação
  • Forma de administração
  • Custo-benefício

Interações medicamentosas

Os suplementos de vitaminas B, geralmente, não provocam interações medicamentosas com os remédios mais populares (anti-inflamatórios de venda livre, anticoncepcionais, medicamentos para o controle de pressão arterial e para controle da diabetes). Entretanto, já foram relatados problemas derivados da suplementação de vitaminas B em combinação com pessoas que faziam uso de remédios para epilepsia.

Por essa razão, é recomendado que você procure um médico caso sofra de epilepsia ou de algum transtorno de condução nervosa antes de começar a suplementar com vitaminas B. Lembre-se que nenhum complemento nutricional pode substituir um tratamento médico adequado e personalizado para as necessidades de cada indivíduo.

Imagem de alimentos ricos em Vitamina B.

As vitaminas B ajudam a adquirir um melhor aspecto físico e mental. (Fonte: Dolgachov: 54776181 / 123rf.com)

Alérgenos

Os suplementos de vitamina B podem conter produtos que são causadores de algum tipo de intolerância, como o caso do glúten, da lactose, soja ou alguns aditivos como o estearato de magnésio.

Os artigos de boa qualidade indicam em seus frascos se estão livres de alérgenos. Se não aparece nenhum tipo de referência aos alérgenos mais comuns, provavelmente é porque estão presentes na composição do produto.

Nutrição vegana ou vegetariana

Se você for vegano ou vegetariano, deverá escolher um suplemento de vitaminas B que contenha, ao menos, 100% da IDR da vitamina B12. Além disso, se certifique de que não está escolhendo um produto que por um acaso possa ter presente em sua fórmula algum composto de origem animal. Isso inclui, obviamente, as próprias cápsulas que envolvem as vitaminas e que devem ser feitas, nesse caso, de algum derivado de celulose ao invés de gelatina.

Metilação

Muitas vitaminas precisam ser submetidas a um processo de ativação no organismo (conhecido como metilação) antes de poder exercerem suas funções no metabolismo celular. Entretanto, estima-se que até 30% da população pode ter algum tipo de defeito no organismo que impeça ou dificulte o processo de metilação das vitaminas B.

Portanto, é mais recomendado que você escolha um suplemento que ofereça as vitaminas em sua forma ativa (já metiladas) e prontas para serem aproveitadas de maneira imediata pelo organismo. Os compostos metilados geralmente aparecem entre os ingredientes do produto de suplementação com o prefixo “metil”, como no metiltetrahidrofolato (forma ativa do ácido fólico ou vitamina B9).

Pedro SilvaMédico geral, neurologista, mestre em nutrição

“Os baixos níveis de vitamina B12 se associam à deficiência neurológica, falta de energia, força e ânimo para viver o dia a dia.”

Forma de administração

Você possui à sua disposição numerosos formatos de vitaminas B que te permite escolher qual a melhor e mais cômoda forma de suplementação a ser realizada. A efetividade e a absorção dos nutrientes não serão afetadas na maioria dos casos, portanto essa decisão depende exclusivamente de suas preferências pessoais.

  • Comprimidos: Os comprimidos ou cápsulas duras são as formas mais simples de suplementação. Seu armazenamento e conservação são fáceis, embora algumas pessoas possam encontrar problemas para ingerir esse tipo de fórmula.
  • Cápsulas macias: Essas cápsulas geralmente possuem um conteúdo líquido em seus interiores. Sua textura resulta em algo muito mais agradável na hora da ingestão. Os consumidores veganos devem investigar se o revestimento da cápsula não é feito de gelatina.
  • Spray oral: Esse modelo é o favorito de muitos consumidores, os permitindo suplementar em questão de segundos. Alguns formatos podem ser pulverizados sobre a comida, facilitando ainda mais o consumo desses complementos alimentares.
  • Gotas ou líquido: Esses tipos de frascos também permitem realizar uma suplementação de forma rápida, simples e limpa. Seu preço pode ser um pouco mais elevado que de outros artigos e podem precisar ser armazenados na geladeira.
  • Pó: Essa forma de suplementação é a favorita dos apaixonados pelas atividades físicas e esportistas, pois, geralmente colocam o pó para potencializar ainda mais os conteúdos nutricionais de suas bebidas ou preparados vitamínicos.
  • “Balas”: Essa forma de suplementação tem se popularizado entre os influencers mais importantes do mercado e das mídias. A opção de tomar as vitaminas diárias em forma de pequenos “confetes” ou doces permite estabelecer uma rotina de suplementação agradável e divertida. Seu principal problema? Possui o preço bem elevado.

Custo-benefício

Algumas pessoas asseguram que os benefícios dos complementos de vitaminas B começam a ser notados poucos dias após o começo da suplementação. Entretanto, a maioria dos estudos no âmbito das vitaminas pedem no mínimo um período de três meses de suplementação antes de começar a avaliar os possíveis efeitos sobre o estado nutricional.

Portanto, é recomendável que você adquira um produto que contenha uma quantidade suficiente para suplementar, no mínimo, durante três meses. Leve em consideração que esses complementos nutricionais também possuem data de validade, deixando de ser efetivos após ultrapassado esse período. Não perca essa data de vista.

Resumo

As vitaminas B são uma adição fantástica para qualquer dieta de qualquer pessoa. Essas moléculas solúveis em água não se acumulam de forma nociva no organismo, sendo uma opção segura e prática na hora de escolher um produto de suplementação que ajude a lhe manter cheio de energia e saudável.

O complexo vitamínico B regula centenas de reações diferentes no organismo. Por essa razão, é imprescindível contar com um suplemento de qualidade que seja capaz de suprir com a quantidade diária recomendada desses nutrientes. Se você mantiver os níveis de vitaminas B equilibrados, todo seu corpo se beneficiará!

Se você gostou desse Guia sobre as vitaminas B, deixe um comentário e compartilhe esse artigo.

(Fonte da imagem destacada: Suntiviriyanon: 41518643 / 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

SAUDÁVEL&FORTE
Os redatores do portal SAUDÁVEL E FORTE estão preparados para pesquisar a fundo e escrever artigos de alta qualidade e com as informações necessárias para que você saiba tudo o que precisa sobre suplementos e boa forma.